Joinville-SC desbanca atual bicampeão e avança à semifinal da LNF

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


O Joinville-SC levou a melhor no confronto das quartas de final entre os dois últimos times vencedores da Liga Nacional de Futsal (LNF). Nesta terça-feira (24), no Centreventos Cau Hansen, em Joinville (SC), o JEC foi superado no tempo normal por 3 a 2, mas venceu o Pato-PR por 2 a 0 na prorrogação, classificando-se à semifinal da competição. No primeiro jogo, realizado no último sábado (21) em Pato Branco (PR), o JEC havia goleado o atual bicampeão por 5 a 1.ebc Joinville-SC desbanca atual bicampeão e avança à semifinal da LNFebc Joinville-SC desbanca atual bicampeão e avança à semifinal da LNF

Esta é a sexta vez que a equipe catarinense garante um lugar entre os quatro melhores do torneio, sendo a quinta nos últimos oito anos. Campeão em 2017, o JEC terá pela frente quem avançar entre Carlos Barbosa-RS e Corinthians, que empataram na partida de ida por 2 a 2, em São Paulo. O segundo jogo seria no último domingo (22), mas foi adiado devido ao surto do novo coronavírus (covid-19) que atingiu o time gaúcho. O duelo de volta ainda não foi remarcado. A outra semifinal reúne Magnus Sorocaba-SP e Tubarão-SC.

O pivô Genaro, no primeiro minuto de jogo, colocou o Joinville à frente. O JEC seguiu no ataque e quase ampliou duas vezes, em chutes de Genaro e do ala Xuxa que pararam na trave. Pouco antes do intervalo, porém, o fixo Valença deixou tudo igual, batendo pênalti. Na etapa final, o ala Rodriguinho recolocou o Tricolor em vantagem. Precisando virar o marcador para seguir viva no confronto, a equipe paranaense adotou o goleiro linha. Deu certo. O ala Perin igualou e Valença virou o placar, forçando a prorrogação.

Os dois tempos extras, de cinco minutos, foram disputados em clima de tensão, com reclamação de ambos os lados. Tendo que ganhar, pois a vantagem do empate era do Joinville pela melhor campanha, o Pato se lançou ao ataque, mas quem balançou as redes foi o JEC. A quatro minutos do fim, o pivô Dieguinho fez grande jogada e o fixo Machado fez o primeiro dos mandantes. Os atuais bicampeões pressionaram, mas pararam no goleiro William. Nos segundos finais, o fixo Leco fechou o placar no Cau Hansen e decretou a classificação tricolor.

Edição: Fábio Lisboa

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist