Final da Liga Nacional de Handebol é suspensa após casos de covid-19

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


A Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) suspendeu a final e da disputa pelo terceiro lugar da Liga Nacional de Handebol, categoria masculina, que seriam disputadas neste domingo (20). Em nota oficial, a entidade informou que sete atletas de uma das equipes finalistas (que não foi revelada) testaram positivo para o novo coronavírus (covid-19). A decisão envolve os times paulistas Pinheiros e Taubaté. Ainda segundo o comunicado, não há definição de uma nova data para os jogos.ebc Final da Liga Nacional de Handebol é suspensa após casos de covid-19ebc Final da Liga Nacional de Handebol é suspensa após casos de covid-19

O torneio vinha sendo realizado desde o último domingo (13) na cidade de Arujá (SP), com atletas, membros de comissão técnica, árbitros, mesários, voluntários e demais profissionais ligados à competição hospedados no complexo esportivo local. A nota explica que os jogadores infectados foram identificados na manhã deste domingo e que “imediatamente, foram solicitados novos exames, considerados por autoridades sanitárias como exames padrão ouro para identificação do vírus”. Os testes confirmaram os casos.

O comunicado afirma que a suspensão das partidas “visa a segurança” de quem estava no torneio e que os atletas cujos exames deram positivo “estão sendo mantidos em isolamento e monitoramento e apresentam, até o momento, bom estado geral de saúde”. Segundo a confederação, foram adotados protocolos de saúde como a obrigatoriedade de apresentação dos laudos do exame RT-PCR feito até 72 horas antes da entrada no complexo e uso de máscaras em locais públicos e durante os jogos (exceto quem estivesse atuando).

A competição em Arujá reuniu 12 times, que foram divididos em três grupos na primeira fase. Os dois primeiros de cada chave e os dois melhores terceiros avançaram às quartas de final. É a sétima vez seguida que Pinheiros e Taubaté chegam à decisão. Nas outras seis decisões, cada um venceu três vezes. Os pinheirenses buscam o nono título para se isolarem como maiores campeões da Liga Nacional, posto que dividem com a também paulista Metodista. Os taubateanos, ganhadores em 2019, miram o quarto troféu.

A decisão estava marcada para 20h15 (horário de Brasília) deste domingo. A disputa do terceiro lugar seria disputada mais cedo, às 18h, entre Avaí-SC e Carajás-PA.

Edição: Gustavo Faria

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist