Federação inglesa afirma que Cavani não foi racista em rede social

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


O painel da Federação Inglesa de Futebol (FA) determinou a Edinson Cavani uma suspensão de três jogos, apesar de reconhecer que o atacante do Manchester United não foi deliberadamente racista e não sabia que sua linguagem nas redes sociais era ofensiva.ebc Federação inglesa afirma que Cavani não foi racista em rede socialebc Federação inglesa afirma que Cavani não foi racista em rede social

O atacante uruguaio Cavani foi suspenso na última semana por três jogos e multado em 100.000 libras (US$ 136 mil) por fazer uma postagem no Instagram para um amigo com uma mensagem que a FA considerou racista, isto após a vitória de 3 a 2 de seu time sobre o Southampton no dia 29 de novembro.

As conclusões completas da comissão reguladora da FA foram publicadas nesta quinta-feira (7), explicando a razão de Cavani receber uma suspensão mínima sob a regra E3.1 da FA.

A comissão afirmou ter entendido que o jogador escreveu uma resposta de agradecimento afetuoso a uma mensagem de seu amigo uruguaio, e que não tinha intenção de ser racista ou ofensiva ao amigo ou outras pessoas.

“Tal conclusão foi apoiada por todas as evidências disponíveis relevantes para as circunstâncias em que a postagem foi feita e tendo em conta o caráter e a resposta do jogador […]. No entanto, não é suficiente que o jogador simplesmente não tivesse tal intenção”, diz a FA.

A FA argumentou que “um torcedor de futebol da Premier League” poderia considerar a palavra “negrito” racialmente ofensiva.

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist