Em duelo eletrizante, Corinthians e Athletico-PR ficam no empate

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


Nesta quarta-feira (10), Corinthians e Athletico-PR fizeram uma partida extremamente movimentada na Neo Química Arena, em São Paulo, pela 35ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O empate por 3 a 3 mantém as equipes vivas na briga pela última vaga à próxima Libertadores, destinada ao oitavo colocado. Posição ocupada justamente pelo Timão, com 49 pontos. O Furacão, com 47 pontos, está em 10º lugar.ebc Em duelo eletrizante, Corinthians e Athletico-PR ficam no empateebc Em duelo eletrizante, Corinthians e Athletico-PR ficam no empate

Os primeiros 45 minutos na Neo Química Arena foram eletrizantes. Aos dois minutos, o meia Victor Cantillo lançou o lateral Fagner, que ajeitou de cabeça para Gustavo Mosquito. Dentro da área, o atacante deu um chapéu no zagueiro Pedro Henrique e fez um golaço. Antes dos dez minutos, o atacante Léo Natel teve duas oportunidades para ampliar, parando no goleiro Santos, e o meia Romulo Otero cabeceou à esquerda.

O Furacão conseguiu responder aos 13 minutos. O meia Fernando Canesin recebeu perto da meia lua e fez o pivô, rolando para o lateral Abner dominar pela esquerda e chutar forte, sem chances para o goleiro Cássio. Quatro minutos depois, o Corinthians voltou à frente. Após uma cobrança de escanteio, o zagueiro Gil escorou de cabeça e o volante Gabriel completou para as redes.

O terceiro quase saiu aos 32 minutos, mas Santos saiu bem do gol e evitou um golaço de cavadinha de Mosquito, com quem estava frente a frente. Como se fosse uma punição pelas oportunidades que os alvinegros desperdiçaram, o Athletico chegou novamente ao empate. Aos 33 minutos, depois de rodar um lado para outro da área, a bola foi em direção ao gol no bate-rebate. Cássio defendeu, mas Canesin aproveitou a sobra.

As equipes voltaram para o segundo tempo com o mesmo ímpeto. Aos seis minutos, Léo Natel e Mosquito, na mesma jogada, exigiram boas defesas de Santos. Aos oito, o Athletico perdeu um gol incrível. Depois de ficar sem ângulo ao driblar Cássio, o atacante Renato Kayser rolou para o meia Nikão finalizar em cima de Gil. A bola sobrou para o atacante Vitinho, que, mesmo sem goleiro, soltou a bomba no travessão.

Desta vez, foi o Furacão que pagou pela oportunidade perdida. Aos dez minutos, o meia Ángelo Araos escapou de dois marcadores e abriu para Mosquito, que invadiu a área pela direita e finalizou na saída de Santos, recolocando o Timão em vantagem. Aos 27, porém, Canesin cruzou da direita, a bola passou por Renato Kayser, mas não por Vitinho, que deixou tudo igual. Os times seguiram buscando a vitória, mas o empate prevaleceu.

As duas equipes voltam a campo no domingo (14). O Corinthians visita o Flamengo no Maracanã, no Rio de Janeiro, às 16h (horário de Brasília). O Athletico recebe o Atlético-GO na Arena da Baixada, em Curitiba, às 18h15. Os duelos valem pela 36ª rodada do Brasileirão.

Veja a classificação da Série A do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist