Copa Brasil de Vôlei: semifinais femininas serão nesta sexta, no RJ

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


As semifinais da Copa Brasil de Vôlei Feminino começam nesta sexta-feira (5). As primeiras equipes a entrar em quadra, no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ), serão o Itambé/Minas e o Sesi Vôlei Bauru, às 19h (horário de Brasília). Na sequência, às 21h30, tem Osasco/São Cristóvão Saúde e Dentil/Praia Clube. Os vencedores disputam o título no próximo domingo (7), às às 21h30.ebc Copa Brasil de Vôlei: semifinais femininas serão nesta sexta, no RJebc Copa Brasil de Vôlei: semifinais femininas serão nesta sexta, no RJ

O confronto que abre a rodada dupla colocará frente a frente o atual líder da Superliga  2020/21, o Itambé/Minas, com 14 vitórias em 15 jogos, e o Sesi/Vôlei Bauru, quarto colocado na classificação geral, com 12 vitórias em 15 jogos.

“Chegamos para esta Copa do Brasil depois de uma sequência muito positiva na Superliga Banco do Brasil. Mas agora é outra competição, uma outra história. E como toda semifinal é encarada com grande atenção. Já temos um desafio muito importante, enfrentaremos o time de Bauru, que eu já considerava muito forte, com grande potencial de ataque, e com a chegada de reforços os deixou com mais qualidade técnica. Será um oponente difícil e teremos que jogar com muita qualidade para avançarmos para a final”, avaliou o técnico do MInas, o italiano Nicola Negro, em depoimento ao site da CBV.

Vôlei Osasco feminino Vôlei Osasco feminino

Osasco/São Cristóvão Saúde e Dentil/Praia Clube decidem nesta sexta-feira (5) vaga na final da Copa Brasil de Vôlei, que ocorrerá no próximo domingo (7) –  Wander Roberto/Inovafoto/CBV/Direitos Reservados

A central Adenízia,do Sesi Bauru, também está confiante no bom desempenho da equipe amanhã (5). “Este será um jogo muito importante para nós, inclusive para a continuidade da Superliga Banco do Brasil. Tivemos algumas mudanças, e estamos nos acertando cada dia mais. Com a chegada da Dobriana [Rabadzhieva, ponteira búlgara] ganhamos mais força. A nossa cabeça está na vitória, e sabemos que será preciso ter muita paciência, pois esperamos um confronto difícil, com a Macris (levantadora do Minas) imprimindo uma velocidade que nenhum outro time no país joga. Ela é muito entrosada com as centrais. Precisaremos saber a hora certa de usar a força e de jogar no coletivo” , avaliou a campeã olímpica.

No segundo jogo da noite, o Osasco chega à cidade de Saquarema com atletas recuperadas da covid-19. Para a central Bia, o duelo desta sexta (5) será mais um grande desafio na temporada. “Teremos um jogo muito difícil. O Dentil/Praia Clube vem em um ritmo muito bom, e nós estamos retornando de alguns casos de covid-19, mas sabemos da força do nosso grupo, então temos que usar o retorno das meninas como combustível para o grupo”, disse Bia.

O Dentil/Praia Clube, da ponteira campeã olímpica Fernada Garay, busca o título inédito da Copa Brasil. “Esta é a minha quarta temporada aqui no Dentil/Praia Clube e o título da Copa Brasil é algo inédito para o clube e para mim. Acredito que temos bastante chances neste ano, apesar de que será um torneio difícil, com adversários fortes, mas acredito nas nossas chances”, afirmou Garay.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist