Conmebol critica suspensão ao uruguaio Cavani

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) juntou-se às crescentes críticas contra a Federação Inglesa (FA), nesta terça-feira (5), ao condenar a suspensão de três jogos dada ao uruguaio Edinson Cavani por declaração considerada racista.ebc Conmebol critica suspensão ao uruguaio Cavaniebc Conmebol critica suspensão ao uruguaio Cavani

Cavani foi punido na semana passada com três jogos de suspensão e multado em 100 mil libras (cerca de US$ 136 mil) por postar uma mensagem em seu perfil no Instagram para um amigo com o termo “negrito”, classificado pela FA como racista, após vitória de seu time, o Manchester United, sobre o Southampton, em 29 de novembro.

A FA alegou que a postagem trouxe descrédito ao esporte. O atacante pediu desculpas por qualquer mal-entendido e se recusou a contestar a sanção.

“A medida disciplinar aplicada ao jogador uruguaio claramente não leva em conta as características culturais e o uso de certos termos falados no cotidiano do Uruguai”, disse a Conmebol em nota.

“A Conmebol condena e sempre condenará com a maior energia qualquer manifestação racista ou discriminatória, mas o caso específico pelo qual Cavani sofreu sanção não constitui uma delas”, diz a entidade sul-americana.

A posição da Conmebol foi anunciada após protestos semelhantes da Associação Uruguaia de Futebol e de um sindicato de jogadores profissionais uruguaios.

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist