Brasileiro: Bragantino tem noite perfeita e goleia líder São Paulo

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


Noite de sonho para o Red Bull Bragantino e de pesadelo para o São Paulo. Nesta quarta-feira (6), o Massa Bruta não tomou conhecimento do líder da Série A do Campeonato Brasileiro e goleou por 4 a 2 no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), pela 28ª rodada da competição. O time dirigido por Maurício Barbieri foi superior durante os 90 minutos, criou várias chances e não tornou o placar mais elástico por conta de importantes defesas do goleiro Tiago Volpi.ebc Brasileiro: Bragantino tem noite perfeita e goleia líder São Pauloebc Brasileiro: Bragantino tem noite perfeita e goleia líder São Paulo

O resultado negativo se dá uma semana após a eliminação para o Grêmio na semifinal da Copa do Brasil, que aumentou a pressão pelo título brasileiro. O Tricolor não ergue uma taça desde 2012, quando venceu a Copa Sul-Americana. Com 56 pontos, o clube da capital paulista segue na primeira colocação e acabou se beneficiando da derrota do Flamengo para o Fluminense, também nesta quarta, mantendo a diferença para Atlético-MG e Flamengo (ambos com um jogo a menos) em sete pontos.

Na segunda metade da tabela, o Bragantino se fortaleceu na luta para se distanciar do Z-4. A equipe do interior foi a 34 pontos e assumiu a 12ª posição, na zona de classificação à próxima edição da Sul-Americana. O Massa Bruta ainda pode ser ultrapassado na rodada se o Atlético-GO superar o Vasco na quinta-feira (7), em Goiânia, às 19h (horário de Brasília). O Cruzmaltino, que abre a zona de rebaixamento, e o Bahia, primeiro time fora dela, estão seis pontos atrás do Braga.

Atropelo bragantino

A expressão de poucos amigos do técnico Fernando Diniz, flagrada pelas câmeras de TV aos 18 minutos do primeiro tempo, era possivelmente a mesma de milhões de torcedores são-paulinos pelo país. O Tricolor havia acabado de sofrer o terceiro gol de um Bragantino eficiente, que soube aproveitar os vários erros individuais do Tricolor. Aos três minutos, o atacante Claudinho se aproveitou de uma bola perdida pelo meia Daniel Alves, na entrada da área, para finalizar e abrir o placar.

Dez minutos depois, novo erro do líder do Brasileiro, desta vez no campo adversário. O Massa Bruta puxou o contra-ataque e o meia Raul, com um leve toque na saída de Tiago Volpi, fez o segundo. Aos 15, na primeira investida que conseguiu construir, o São Paulo diminuiu com Tchê Tchê. O volante recebeu cruzamento de Daniel Alves pela esquerda e mandou para as redes. Mas na sequência, após cobrança de falta, o zagueiro Fabrício Bruno cabeceou no contrapé do goleiro tricolor.

O Bragantino seguiu pressionando a saída de bola do São Paulo e finalizando com perigo. Aos 22, 23 e 26 minutos, os chutes de fora da área do volante Ricardo Ryller, do meia Artur e do atacante Tomás Cuello passaram próximos à meta. O Tricolor até balançou as redes aos 37 com o atacante Brenner, mas o árbitro de vídeo (VAR) viu impedimento do meia Vitor Bueno no lance e anulou o gol. Para complicar, aos 44, em outra saída errada da zaga, Artur fez o quarto do Massa Bruta.

Volpi evita goleada maior

O cenário dos 45 minutos iniciais não se alterou nos finais. O Bragantino se manteve no ataque e só não ampliou aos sete e aos 12 minutos, com Claudinho e Artur, porque Volpi salvou. A missão são-paulina se complicou aos 14, com a expulsão de Tchê Tchê por cotovelada em Cuello, identificada pelo VAR. Aos 22, o goleiro tricolor fez duas grandes defesas em sequência, em batidas de Cuello e do lateral Edimar. Já aos 36, a trave evitou que o atacante Jan Hurtado fizesse o quinto.

Nos acréscimos, o São Paulo ainda descontou em lance confuso. Após cruzamento na área, o atacante Gonzalo Carneiro mandou para as redes. O lance havia sido anulado pela arbitragem por causa de um suposto toque de mão do lateral Léo, mas, após revisar a jogada no vídeo, o árbitro Luiz Flávio de Oliveira validou o gol tricolor.

O São Paulo volta a campo no domingo (10), às 16h, para o clássico diante do Santos, no Morumbi. Já o Bragantino joga novamente na segunda-feira (11), às 20h, contra o Atlético-MG, outra vez em Bragança Paulista. Os duelos são válidos pela 29ª rodada do Brasileirão.

Edição: Fábio Lisboa

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist