Atletas da linha de frente do combate à covid-19 são homenageados

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


O carioca Marcus Ferrassoli é um dos milhares de profissionais que estão atuando em todo Brasil no combate à pandemia do novo coronavírus. A atuação do biólogo e pesquisador para tentar evitar a disseminação da covid-19 está muito ligada à paixão dele pelas corridas de rua. “Estava treinando muito para a minha primeira maratona em 2020. Mas tive uma lesão no final de 2019 e só pude voltar aos treinos em março, quando começou a pandemia. Então, acabei ganhando mais de 25kg pela ansiedade e estresse”, disse. Parasitologista, Ferrassoli não saiu de casa para treinar durante toda pandemia. E acabou usando o tempo para pesquisar. “Trabalhei com a divulgação científica, fiz cursos pela FioCruz e pela Stanford. Participei de treinamentos para o combate à covid-19”. Assim, ele segue trabalhando e aguardando a hora certa de voltar aos treinos para a primeira Maratona.ebc Atletas da linha de frente do combate à covid-19 são homenageadosebc Atletas da linha de frente do combate à covid-19 são homenageados

A psicóloga Carol Sales é outra dessas profissionais da linha de frente do combate à covid-19. “Eu trabalhei durante todo ano passado na Coordenação de UPP´s. Lá atendia somente policiais das Unidades Pacificadoras. Atualmente trabalho monitorando os casos de covid na corporação e fazendo contato com os policiais internados pela doença e os familiares deles. Procuro auxiliar pessoas que apresentam sintomas emocionais causados pela pandemia”, comentou. Ela também é atleta amadora e participa desde 2018 da versão virtual da maratona do Rio.

Marcus e Carol são dois dos sete atletas amadores e profissionais da saúde que trabalham na linha de frente do combate à covid-19 serão homenageados pela websérie #CorremosJuntos, primeira ação da quinta edição da Maratona com Arte. A iniciativa é promovida pelos organizadores da Maratona do Rio. Dividida em sete episódios, a série vai ao ar no site oficial da Maratona com Arte e no Instagram da Maratona do Rio, retratando a história de cada um dos agentes de saúde que trabalham em plantões, ações com a comunidade, pesquisas científicas e atividades que possam aliviar os sintomas das doenças psicológicas causadas pela pandemia. Além da websérie, o projeto terá a exposição #MaratonaParade que, em fevereiro, vai instalar na capital fluminense vários tênis gigantes grafitados em homenagem aos mesmos profissionais.

Edição: Carol Jardim

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist