Dólar tem pequena queda e fecha dia vendido a R$ 5,37

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


Num dia de volatilidade no mercado financeiro, o dólar zerou a queda acumulada até o início da tarde e terminou com leve baixa. A bolsa de valores chegou a superar os 120 mil pontos em boa parte da sessão, mas reverteu os ganhos e fechou com perdas.ebc Dólar tem pequena queda e fecha dia vendido a R$ 5,37ebc Dólar tem pequena queda e fecha dia vendido a R$ 5,37

O dólar comercial encerrou esta segunda-feira (8) vendido a R$ 5,373, com recuo de R$ 0,011 (0,21%). A divisa chegou a cair para R$ 5,30 na mínima do dia, por volta das 14h, mas não sustentou o ritmo de queda após declarações dos presidentes da Câmara e do Senado sobre um eventual retorno do auxílio emergencial.

O mercado de ações também teve reversão de expectativas. O índice Ibovespa, da B3, fechou a sessão aos 119.696 pontos, com recuo de 0,45%. O indicador aproximou-se dos 121 mil pontos na máxima do dia, por volta das 12h45, mas recuou a partir das 15h, até encerrar em queda.

Pela manhã, o dólar caía e a bolsa subia após o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, anunciar que pautará o projeto de autonomia do Banco Central (BC) para amanhã (9) e dizer que encaminhará a proposta de reforma administrativa à Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. O clima, no entanto, mudou durante a tarde, com a indefinição sobre o retorno do auxílio emergencial.

Durante a tarde, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, disse que não se pode condicionar a recriação do benefício a reformas que compensariam o aumento de despesas. Também à tarde, o líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), afirmou existir um acordo com Lira e o presidente Jair Bolsonaro para uma nova rodada do auxílio.

Edição: Aline Leal

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist