Menu...

21 de setembro de 2019

Igreja Adventista de Regeneração realiza caminhada pelo fim do abuso sexual infantil


Hospital de Olhos

A caminhada de combate ao abuso sexual infantil, realizada pela Igreja Adventista do Sétimo Dia de Regeneração, reuniu grande publico na manhã desta sábado (24).

A coordenadora distrital Cacilda Borba – do Ministério da Mulher, considera que a preocupação é necessária em razão dos casos de violência sexual infantil dentro dos lares.

“O projeto quebrando o silêncio tem o tema como uma preocupação da igreja, e não poderia deixar de ter esse olhar em relação às crianças, pois, infelizmente, a violência sexual infantil acontece principalmente dentro dos lares. Devemos ficar atentos a todos os sinais, sejam eles quais forem”, disse.

Segundo ela, é preciso “incentivar para que essas crianças conversem com alguém e se sintam à vontade para falar com a mãe ou com o pai”.

Para o pastor da Igreja, José Gomes, a proposta do projeto é ‘quebrar o silêncio’. “Estamos realizando o projeto desde 2002. Ele já está com 17 anos nessa roupagem. Todos os anos a Igreja vai às ruas, escolas e meios de comunicação dizer que temos que quebrar o silêncio para o abuso e opressão de vítimas que não têm como se proteger. Nós entendemos que as crianças têm um plano especial de Deus para que amanhã tenhamos um Brasil mais feliz.”

A rodoviária foi o local da concentração para a caminhada, que teve início por volta das 8h com grande número de crianças, adolescentes, fiéis da igreja e da sociedade em geral. Os participantes usaram faixas cartazes e ainda levaram mensagens à população regenerense.

Colaboração: Greisy Muniz

Publicidade | Somos Notícia

Publicidade | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia