Em Maceió, bebê de 2 meses morre após violência sexual e física; pai é preso como suspeito

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook

A Polícia Militar prendeu um homem nessa segunda-feira (31) suspeito de estuprar o próprio filho, um bebê de dois meses, que morreu após o ato sexual. O caso, noticiado pelo G1/AL, aconteceu no bairro Bom Parto, em Maceió.

De acordo com o chefe de serviço da Delegacia da Criança e Adolescente, a criança estava em casa na companhia apenas do pai. Uma vizinha teria ouvido o choro do bebê e foi até o local.

“A vizinha contou que ouviu um choro muito alto e que nunca tinha ouvido uma criança gritar e chorar dessa maneira. Ela disse que encontrou o pai com a criança e que ele disse que o bebê tinha caído. A vizinha não acreditou e saiu com a criança no braço para a unidade de saúde, mas a criança já estava morta”, lamenta Alan Barbosa.

Ela disse ainda que o bebê estava com o olho inchado e marcas roxas no braço, além de graves lesões nas partes íntimas. “Foi uma situação muito triste de ver, como o ser humano, ainda mais o pai, faz uma coisa dessa com uma criança”.

A mãe do bebê tem 13 anos de idade e não estava em casa no momento da violência sexual. “Além de responder por homicídio e violência sexual contra o bebê, também vai responder por estupro a mãe da criança”, afirma.

O suspeito do crime tem 21 anos. Ele foi levado para a Central de Flagrantes I, onde foi autuado pelo estupro.

whatsapp image 2018 08 23 at 10.49.04 Em Maceió, bebê de 2 meses morre após violência sexual e física; pai é preso como suspeito
 Foto: Andréa Resende/G1

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist