Com aumento de casos de covid-19, Amazonas quer criar vagas de UTI

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


O governo do Amazonas confirmou a intenção de criar 60 novas vagas em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) de cinco hospitais públicos para tratar pacientes internados em estado grave devido à covid-19. A medida está sendo discutida com o Ministério da Saúde, ao qual o estado pede ajuda para a contratação de profissionais. ebc Com aumento de casos de covid-19, Amazonas quer criar vagas de UTIebc Com aumento de casos de covid-19, Amazonas quer criar vagas de UTI

Conforme o boletim epidemiológico que a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) divulgou ontem (5) a noite, 349 pacientes internados em UTIs de hospitais públicos e privados de todo o estado  foram diagnosticados com a doença. Destes, 215 pacientes ocupam leitos da rede pública de saúde, e 134 da rede privada.

Mais 73 pessoas que estão recebendo cuidados intensivos ainda não receberam os resultados dos exames clínicos, mas são tratados como casos suspeitos de covid-19. Entre elas, 57 estão em UTIs particulares e 16 em leitos do Sistema Único de Saúde (SUS)

Contratações

No geral, havia, nesta terça-feira, em todo o estado, 1.106 pessoas internadas com a doença. Destas, 738 estavam em leitos clínicos (467 na rede pública e 271 na rede privada), 349 em UTIs e 19 nas chamadas “salas vermelhas” (estruturas destinadas à assistência temporária a pacientes críticos ou graves que, uma vez estabilizados, são encaminhados a outros pontos da rede de atenção à saúde).

Já o total de pacientes internados com a suspeita de terem sido infectados pelo novo coronavírus chegava a 468 – 376 em leitos (216 na rede pública e 160 na rede privada), 73 em UTIs (57 na rede privada e 16 na rede pública) e 19 em “salas vermelhas”.

Só ontem, a Fundação de Vigilância em Saúde contabilizou a confirmação de 1.928 novos casos da doença nas 24 horas anteriores, além de 46 mortes – o que elevou para 204.900 o total de casos da doença registrados no estado desde março de 2020, e para 5.414 o total de óbitos no mesmo período.

O plano da secretaria estadual para evitar uma eventual falta de leitos é instalar os 60 novos leitos de UTI em cinco das unidades de saúde da capital, Manaus: Hospital Beneficente Português, Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV), Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), Fundação Centro de Controle de Oncologia do Amazonas (FCecon), Maternidade Ana Braga e Instituto da Mulher Dona Lindu.

Em nota, o secretário estadual de Saúde, Marcellus Campêlo explicou que ainda não há uma data definida para que os novos leitos sejam disponibilizados, pois uma das dificuldades encontradas pelo governo estadual é a contratação de mais profissionais de saúde – tema que, segundo Campêlo, vem sendo debatido com técnicos do Ministério da Saúde.

Hoje (6), o governador Wilson Lima se reuniu, em Brasília, com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Segundo Lima, o ministro se comprometeu a enviar, nos próximos dias, 78 respiradores, monitores e medicamentos para o Amazonas, além de auxiliar o estado a contratar profissionais de saúde. Ainda de acordo com o governador, o ministro agendou uma visita a Manaus na próxima segunda-feira (11). Consultado, o Ministério da Saúde informou que divulgará, ainda hoje, uma nota detalhando as medidas que serão adotadas.

Riscos

A situação no Amazonas motivou a Justiça a acatar um pedido do Ministério Público estadual, determinando o fechamento de atividades não essenciais por 15 dias, em todo o estado. Em sua decisão, o juiz Leoney Harraquian também ordenou que o governo do Amazonas adote medidas para impedir aglomerações em estabelecimentos considerados essenciais.

No pedido que apresentou à Justiça, o Ministério Público argumentou que o período eleitoral e os preparativos para as festas de fim de ano levaram ao aumento do “contato entre pessoas infectadas e não infectadas, gerando uma aceleração da curva de casos de infecção e, assim, nova mais grave sobrecarga ao sistema estadual de saúde”.

Em resposta à decisão judicial, o governo do estado acionou, na última segunda-feira (4), o alerta roxo, o que significa o reconhecimento do alto risco de contaminação pelo novo coronavírus em todo o Amazonas.

Além da suspensão por 15 dias de todas as atividades econômicas consideradas não essenciais, o Decreto nº 43.269 restitui a validade das condições impostas pelo Decreto nº 43.234, do mês passado. Com isso, ficam proibidas, entre outras coisas, reuniões em espaços públicos, clubes e condomínios; a realização de celebrações de formatura, aniversários e casamentos, independente da quantidade de pessoas presentes; a visitação a pacientes internados com a covid-19, ao sistema carcerário e a unidades socioeducativas; o funcionamento de restaurantes, salvo para a entrega de comida (delivery, drive thru ou coleta); a atividade de vendedores ambulantes, entre outras.

Para reduzir os impactos econômicos da suspensão de parte das atividades, o governo estadual anunciou uma série de medidas tributárias, fiscais e de crédito, como a redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de 3,5% para 2% para estabelecimentos que vendem refeições. A Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) disponibilizará R$ 140 milhões para micro, pequenas e médias empresas, além de profissionais e produtores rurais, por meio de uma linha de crédito emergencial que oferecerá opções de financiamentos de R$ 500 a R$ 100 mil, conforme a atividade e a análise de crédito do interessado.

No mesmo dia (4), a prefeitura de Manaus decretou situação de emergência na capital do estado pelo período de 180 dias. O Decreto nº 5.001 autoriza a prefeitura a, entre outras medidas, contratar pessoal temporário, serviços e a comprar bens e materiais para conter o avanço da pandemia. A medida também suspende a autorização para a realização de eventos, proíbe a suspensão do fornecimento de água e esgoto e o estabelece o regime de teletrabalho na administração municipal.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Geral

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist