AMARANTE

Piauí

Jucepi lança campanha de arrecadação de alimentos

Publicado em

Piauí


A Junta Comercial do Estado do Piauí (Jucepi) inicia, nesta terça-feira (11), a campanha “Jucepi Solidária” para arrecadar alimentos não perecíveis que serão destinados a famílias carentes da zona rural.

Segundo a presidente da Jucepi, Alzenir Porto, a campanha é uma parceria com o Conselho Regional de Contabilidade no Piauí (CRC-PI) e visa somar esforços para o combate à fome. “Muitas famílias estão passando necessidade neste momento da pandemia, por isso resolvemos unir esforços com o CRC-PI para arrecadar alimentos com empresários e contadores”, afirma a gestora.

Em Teresina, a coleta de alimentos está sendo realizada na sede da Jucepi, localizada na rua General Osório, nº 3002, bairro Cabral e na sede do CRC-PI, localizada na avenida Pedro Freitas, nº1000, bairro Vermelha.

A arrecadação de alimentos será realizada ao longo do mês de maio.

Jucepi Solidária, campanha de arrecadação de alimentos.

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MPPI emite parecer favorável a interdição da academia onde luta clandestina foi realizada em Teresina
Propaganda

Piauí

Governador trata sobre melhorias no sistema prisional com presidente do TJ

Publicados

em


O governador Wellington Dias reuniu-se, nesta quinta-feira (24), no Palácio de Karnak, com o presidente do Tribunal de Justiça (TJ), Ribamar Oliveira, e o secretário de Estado da Justiça, Carlos Edilson. Na ocasião, trataram sobre melhorias no sistema prisional do Piauí.

A pretensão do chefe do executivo estadual é dar um passo a mais na política de integração para a implementação de um novo modelo na área da segurança. “Temos, de um lado, o crime organizado e, do outro, crimes intermediários e de baixo risco, que precisam estar separados. Queremos uma pactuação entre os poderes para que possamos implementar o sistema de classificação por risco, que dá resultados em diversas regiões do mundo. Estamos ainda criando a Força Integrada de Segurança do Piauí e os próximos passos devem ser a Força Nordeste e a Força Brasil, para que possamos ter um plano estratégico para reduzir a violência em todo o país”, afirmou Wellington Dias.

Segundo o presidente do TJ, a quantidade de vagas nos presídios precisa ser debatida. “Existe um programa de desenvolvimento da ONU para a garantia dos diretos humanos e isso passa pelas vagas nos presídios. Quando as vagas inexistem, aumenta a concentração de detentos, o que viola, em tese, os direitos humanos e a dignidade da pessoa. O Piauí e o Brasil todo precisam de mais vagas em presídios. O governador já se debruçou sobre essa questão, já esteve em Brasília tratando sobre a problemática e viemos acompanhar o trabalho para a liberação de verbas para a construção de mais presídios”, disse Ribamar Oliveira.

Leia Também:  PPPs devem incluir políticas de contrapartida social na elaboração e implantação dos projetos

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA