Menu...

22 de junho de 2018

Obama pede desculpas à professora que se ofendeu com discurso


Hospital de Olhos

Washington, 19 fev (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, enviou uma carta manuscrita de desculpas a uma professora de História da Arte da Universidade do Texas que se sentiu ofendida por um comentário que o líder fez durante um de seus discursos. Surpreendida após receber no último dia 12 de fevereiro uma nota escrita à mão pelo próprio Obama, a professora Ann Collins Johns contou nesta quarta-feira os detalhes de sua história em seu perfil no Facebook.

Tudo começou no dia 30 de janeiro em Wisconsin quando, em discurso em uma fábrica da General Electric (GE), Obama sugeriu que capacitar-se para trabalhar na indústria manufatureira poderia ser mais rentável que especializar-se em História da Arte. “Prometo que é possível fazer muito mais, potencialmente, com habilidades em manufatura ou outros ofícios que talvez com um diploma em História da Arte”, comentou o presidente. Em seguida, no entanto, Obama declarou que “não há nada errado” em formar-se nessa disciplina. “Adoro História da Arte. Portanto não quero receber um montão de e-mails de todo o mundo. Só estou dizendo que se pode ter uma boa vida e uma grande carreira sem uma educação universitária de quatro anos”, acrescentou.

A professora Collins se sentiu ofendida por esses comentários e enviou uma mensagem ao presidente através do site da Casa Branca, na qual enfatizava as virtudes da História da Arte no fomento do pensamento crítico. Há poucos dias, Collins recebeu a nota manuscrita com as desculpas de Obama. “Permita-me desculpar pelos meus comentários improvisados. Eu estava fazendo uma observação sobre o mercado de trabalho, não do valor da História da Arte”, argumenta Obama na carta. O presidente classifica, além disso, seu comentário de “simplista” e afirma que a História da Arte era uma de suas “disciplinas favoritas” no ensino médio. “O que não esperava é que ele mesmo (Obama) me escreveria uma desculpa. Portanto agora me sinto totalmente culpada por tê-lo feito perder tempo”, declarou Collins, mais que satisfeita e agora “reconciliada” com o presidente. EFE mb/rsd

Fonte: EFE

Tags: , ,

Comente aqui

Sed risus. dolor ante. id elit. Aenean fringilla dolor.