3:11 pm - sábado novembro 25, 1189

Modelo com síndrome de Down lança linha de bolsas com seu nome e luta contra preconceito

Edição e postagem: Denison Duarte, em 15-08-2015 21:25 | Última modificação: 15-08-2015 22:34
Hospital de Olhos

O Instagram da australiana de 18 anos Madeline Stuart é atualizado freneticamente. Afeita a poses e fotografias, a moça, aspirante a modelo desde o ano passado, tem usado a plataforma como uma vitrine para impulsionar sua carreira. E funcionou. Em julho, a jovem participou de uma campanha de vestuário fitness da marca Manifesta e, logo em seguida, ela estrelou uma campanha para a grife de roupas e acessórios everMaya. A marca chegou até a criar uma linha de bolsas batizada com o nome da menina. A coleção “Madeline handbags” estará disponível para venda a partir deste sábado, dia 15 de agosto. E 5% da receita obtida serão doados para a Sociedade Nacional de Síndrome de Down. Sim, há esse detalhe: Madeline é portadora de síndrome de down.

A popularidade da moça começou quando, em maio, o “Daily mail” australiano publicou uma reportagem mostrando como ela, que sempre havia sofrido com sobrepeso e alguns outros problemas de saúde decorrentes da síndrome, conseguiu reeducar seus hábitos e perder cerca de 20 quilos. Madeline passou a ser vista como uma inspiração. Imagem que ela abraça: “Trabalhar como modelo vai ajudar as sociedades a mudarem a forma como veem as pessoas com síndrome de down, a minha exposição vai ajudar a criar aceitação”, escreveu ela em sua página no Facebook, que já conta com 427 mil fãs.

Madeline Stuart, de 18 anos, é o novo rosto da marca everMaya, de roupas e acessórios – Reprodução

— A experiência de trabalhar com a Madeline teve um impacto positivo sobre mim, tanto pessoal quanto profissionalmente — disse a presidente da everMaya, Damian Graybelle, ao site “Mashable”. — Eu não esperava que a nossa campanha com a Madeline teria tal efeito sobre as pessoas. Muitos pais de crianças com necessidades especiais me disseram que essa campanha lhes deu esperança e mudou suas perspectivas sobre o que o futuro reserva para seus filhos.

A beleza ruiva da menina têm encantado muitas pessoas. “Madeline está redefinindo as percepções de beleza das pessoas e teve uma incrível jornada para começar a sua carreira de modelo. (…) Estamos muito felizes de tê-la como o rosto da EverMaya!”, diz um comunicado no site da marca.

A moça já reúne 427 mil fãs em sua página de Facebook – Reprodução do Facebook

Para a mãe da jovem, Rosanne Stuart, a exposição na internet foi essencial para que a filha pudesse ser vista como uma profissional em potencial, e não como uma menina doente.

— Ela realmente quer mudar o modo como as pessoas entendem a deficiência. E só recebendo muita atenção nas mídias sociais é que o mundo da moda começará a olhar para ela. Isso é lamentável, mas ainda é a forma como as coisas acontecem — disse ela ao “Daily Mail” da Austrália.

via: Estadão

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE