3:11 pm - segunda-feira novembro 22, 4297

Caças da Força Aérea Francesa localizam os destroços de avião que caiu no Mali

Edição e postagem: Denison Duarte, em 24-07-2014 09:54 | Última modificação: 24-07-2014 22:02
Hospital de Olhos

ATUALIZADA ÀS 21h30

Dois caças da Força Aérea Francesa localizaram os destroços do avião da Air Argérie, que caiu no Mali com 116 pessoas a bordo.

Segundo informações da TV pública francesa, TF1, os destroços foram localizados por caças Mirage 2000, em Teberim, uma zona desértica situada a cerca de 70 quilômetros de Gao, cidade no Nordeste do Mali.

O ministro dos Negócios Estrangeiros da França, Laurent Fabius, disse que havia 51 cidadãos de seu país no avião, que partiu de Ouagadougou, capital do Burkina Faso, com destino a Argel, capital da Argélia.

De acordo com Fabius, o aeroporto de Ouagoudougou perdeu contato com o avião “pouco após os pilotos terem comunicado que iam alterar a rota por razões meteorológicas”.

A aviação mundial enfrenta um ano de grandes tragédias. Na semana passada, um avião da Malaysia Airlines, com 298 passageiros, foi atingido por um míssil no Leste da Ucrânia. Os primeiros corpos recuperados chegaram ontem (23) à Holanda, país com o maior número de vítimas. Ontem (23), um avião da TransAsia teve de fazer um pouso forçado em Taiwan e deixou mais de 40 mortos. Além disso, um outro avião da Malaysia Airlines, que levava 239 passageiros a bordo, está desaparecido desde março.

ATUALIZADA ÀS 9h54

A companhia aérea Air Algérie perdeu contato nesta quinta-feira (24) com um de seus aviões 50 minutos após ele decolar de Uagadugu, capital de Burkina Fasso. O voo AH5017 havia partido em direção a Argel, capital argelina, mas não pousou conforme previsto.

“Os serviços de navegação aérea perderam o contato com um avião da Air Algérie que voava nesta quinta-feira de Uagadugu a Argel, 50 minutos após a decolagem”, anunciou a companhia aérea, cujas informações foram divulgadas pela APS, agência estatal de notícias da Argélia. A empresa afirmou ainda que ativou seu plano de emergência.

Fonte: UOL

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE