AMARANTE

PIAUÍ

Inclusão: aluno autista da rede estadual conquista vaga no ensino superior

Avatar

Publicado em

PIAUÍ


“O começo da jornada escolar foi com muito obstáculo e preconceito, mas conseguimos uma posição de destaque na comunidade escolar no Ensino Médio”. Essa é a fala de Sheila Silva, que comemora a conquista do filho Dante Isaac Silva Meneses dos Anjos, 21 anos, que escreve mais uma página da sua vida com a aprovação para o curso de Geoprocessamento, do Instituto Federal do Piauí (IFPI). Autista, o aluno teve o apoio da família e, principalmente da Unidade Escolar Professora Lourdes Rebelo, para conseguir superar as dificuldades e alcançar a conquista da vaga no ensino superior.

Dante é um aluno especial e começou a vida escolar na rede privada de ensino, onde cursou até o 5º ano do ensino fundamental. Após isso, ele passou a integrar a rede pública de ensino e, em 2018, ele foi matriculado na U. E. Profª Lourdes Rebelo, no bairro de Fátima, zona leste de Teresina. “Dante era um querido na escola, onde todos o respeitavam, acolhiam e acreditaram nele”, relatou a mãe do jovem.

Leia Também:  Operação Integrada PRF flagra 92 veículos com excesso de velocidade em 4 horas de fiscalização

Ela ainda contou que as dificuldades sempre existiram, mas na escola pública recebeu o apoio de profissionais que fizeram a diferença. “Em 2018, eu fiz a matrícula dele on-line no Lourdes e nos primeiros dias a coordenadora de Educação Especial me recebeu e me pediu que ficasse para acompanhar a rotina da escola”, disse Sheila. “Em 2020 veio a pandemia e ele passou a estudar pela internet, mas sempre com o auxílio das professoras Geovana, Kelly, Ana Célia, Margarida, Cláudia e todos os outros acompanhando ele, enquanto eu ajudava em casa também”, explica a mãe de Dante.

A inclusão promovida pela U. E. Lourdes Rebelo foi quesito determinante para a conquista e a mãe frisa muito bem isso. “Alunos de escola pública são alunos acolhedores. Eu senti a diferença quando ele saiu do particular para o público. As crianças são mais acolhedoras, mais amigas”, disse Silva.

U. E. Profª Lourdes Rebelo

Localizada na Rua Angélica, bairro de Fátima, em Teresina, a escola possui 793 estudantes matriculados no ensino médio regular, tem um Ideb de 4,0 e integra a 20º Gerência Regional. A escola também oferta Atendimento Especializado Educacional (AEE) para dar assistência conforme a necessidade de cada estudante. Neste ano, mais uma vez, acumula aprovações de jovens em vestibulares.

Leia Também:  Rodovias do Piauí ganham destaque em pesquisa nacional
Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PIAUÍ

MPPI acompanha a ampliação da vacinação contra a covid-19 para os grupos prioritários

Avatar

Publicados

em


O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), por meio das 28ª Promotoria e da 33º Promotoria de Justiça de Teresina, ambas especializadas na defesa da pessoa com deficiência e do idoso, e com apoio do Centro de Apoio Operacional de Defesa da Educação e Cidadania (CAODEC), órgão auxiliar do MPPI, acompanha a ampliação da vacinação contra a covid-19 para os grupos prioritários, que terá início neste sábado (8), em Teresina, por meio dos postos drive thru de vacinação.

As promotoras de Justiça Marlúcia Evaristo e Janaína Rose, titulares das 28ª Promotoria e da 33º Promotoria de Justiça de Teresina, respectivamente, estabeleceram contato com a Fundação Municipal de Saúde (FMS) e com o Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CONEDE), nesta sexta-feira(7), a fim de intensificar a divulgação da ampliação da vacinação.

Os públicos prioritários que poderão receber a vacina contra a covid-19 neste sábado (8) são: pessoas com deficiência permanente (58 e 59 anos); pessoas com transtorno do espectro do autismo (a partir de 18 anos); pessoas com Síndrome de Down (a partir de 18 anos); pessoas com paralisia cerebral (a partir dos 18 anos) e gestantes/puérperas com comorbidade (a partir dos 18 anos).

Leia Também:  Incêndio de grande proporção atinge hotel em Teresina

A programação da vacinação que será realizada na segunda-feira (10) também foi alterada e o público alvo ampliado. Poderão se vacinar: pessoas com deficiência permanente entre 55 e 57 anos, pessoas com transtorno do espectro autista (a partir de 18 anos) e pessoas com paralisia cerebral (a partir de 18 anos).

Como ação de apoio à divulgação da ampliação, o MPPI também encaminhará a nova nota técnica da Secretaria de Estado da Saúde (SESAPI), que vale para o todo o Estado, aos promotores de Justiça do Piauí para que seja realizado o acompanhamento da implementação das orientações da nota técnica.

A nota informa que as pessoas com deficiência permanente serão vacinados independentemente de serem cadastrados no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC). Basta levar o laudo que comprove sua deficiência.

Locais de vacinação drive thru:

  • Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU-Norte)
  • Terminal de Integração Buenos Aires
  • Terminal de Integração Zoobotânico
  • Terminal de Integração Bela Vista
  • Terminal de Integração Livramento
  • Teresina Shopping
Leia Também:  Caminhão é apreendido com madeira e motosserra sem licença no Piauí

Documentos necessários:

  • Documento de identificação com foto e data de nascimento
  • CPF ou Cartão Nacional do SUS
  • Comprovante de Residência em Teresina
  • Laudo que comprove a deficiência/ transtorno (deficientes, transtorno autista, paralisia cerebral, Síndrome de Down)
  • Cartão da gestante, laudo médico que indique comorbidade (gestante)
  • Certidão de nascimento do bebê ou declaração de nascido vivo, laudo médico que indique comorbidade (puérpera)

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA