Menu...

17 de dezembro de 2017

Investimentos do PAC 2 atingem R$ 655 bilhões até agosto, diz governo


Hospital de Olhos
O Ministério do Planejamento divulgou nesta quinta-feira (17) que 67,2% dos investimentos previstos para a segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) foram realizados entre janeiro de 2011 e 31 de agosto de 2013.

No total, foram investidos R$ 665 bilhões em ações de infraestrutura, logística, além de projetos sociais e urbanos.

As ações e obras concluídas até 31 de agosto representam 69% do total inscrito nesta segunda etapa do programa, o que corresponde à aplicação de um total de R$ 448,1 bilhões, segundo o ministério. A segunda fase do PAC 2 tem prazo até dezembro de 2014 para finalizar todos os projetos.

Os dados constam do 8º balanço desta segunda fase do PAC, anunciado nesta quinta-feira (17) pelo governo em cerimônia no Itamaraty, em Brasília.

No balanço anterior, divulgado pelo governo em junho e que trazia um quadro do programa de abril de 2013, 54,9% das obras previstas para serem concluídas até 2014 haviam sido feitas e correspondiam a um total de R$ 388,7 bilhões investidos.

Detalhes do 8º balanço
Do total de R$ 655 bilhões aplicados até 31 de agosto, R$ 217,4 bilhões (33,2%) se referem a financiamento habitacional. Outros 178,3 bilhões (27,2%) foram investidos pelas empresas estatais, entre elas a Petrobras. O setor privado foi responsável por R$ 129,9 bilhões (19,8%), e o programa Minha Casa, Minha Vida por outros R$ 60,3 bilhões em investimentos (9,2%).

O balanço informa ainda que, do início de 2013 até 14 de outubro, os pagamentos e empenhos de recursos do Orçamento dentro do PAC 2 somam 34,9 bilhões. Entretanto, apenas R$ 12 bilhões foram efetivamente gastos no período da dotação orçamentária deste ano, que é de R$ 60,8 bilhões – R$ 22,9 bilhões são de restos a pagar.

A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, disse que o total investido nesta segunda fase do PAC já supera todo o aplicado durante a primeira fase do programa, entre 2007 e 2010. Ela fez ainda uma boa avaliação do desempenho e velocidade das obras do PAC e disse que o programa está, atualmente, passando por “uma fase de cruzeiro.”

“A despeito de toda uma fase de preparação, entramos numa fase de cruzeiro e estamos exatamente no mesmo ponto de execução [das obras previstas] do que seria esperado”, disse a ministra.


Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE