Menu...

11 de dezembro de 2017

Estados Unidos teria espionado o Vaticano durante o Conclave


Hospital de Olhos
A HAIA, 30 Out. 13 / 09:18 pm (ACI).- O escândalo de espionagem contra diversos governos na Europa por parte da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (a NSA), teria sido incluído também o Vaticano, segundo informou nesta quarta-feira 30 de outubro, a revista italiana Panorama.

Segundo a publicação italiana, os Estados Unidos teria espionado chamadas telefônicas da Santa Sé durante o período de Sede Vacante e o Conclave, ao início de 2013.

O artigo assinala que a NSA teria espionado chamadas do Domus Internationalis Paulo VI, a residência onde se hospedou o Cardeal Jorge Mario Bergoglio, durante o período das Congregações, ou seja, as reuniões dos cardeais prévias ao Conclave.

Segundo a revista italiana, chamadas entrantes e saídas da hospedagem de bispos de todo o mundo e também de cardeais residentes no Vaticano teriam sido classificadas pela NSA em quatro categorias: "Intenções de liderança", "Trato para o sistema financeiro", "Objetivo da polícia estrangeira", e "Direitos humanos".

Fundamentando-se na informação, a revista indica que também há suspeitas sobre a espionagem de chamadas relativas à eleição do novo presidente do Instituto para Obras Religiosas (IOR), conhecido como o "Banco do Vaticano", o alemão Ernst Von Freyberg.

Suspeita-se ainda que a NSA teria espionado o Cardeal Bergoglio, hoje Papa Francisco, desde 2005.

Consultado por ACI Digital, o Diretor do Escritório de Imprensa da Santa Sé, Padre Federico Lombardi, desprezou qualquer preocupação do Vaticano pela possível espionagem.

"Não me preocuparia caso realmente as houvesse", disse o porta-voz.

Radar Financeira

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE