AMARANTE

ESPORTES

Gaúcho: Juventude vence Grêmio por 2 a 1 de virada

Publicado em

ESPORTES


O Juventude enfrentou o Grêmio no estádio Montanha dos Vinhedos, nesta quinta-feira (25) em Bento Gonçalves, e venceu por 2 a 1 em jogo da 6ª rodada do Campeonato Gaúcho. Com este resultado o Ju ficou na 6ª posição da classificação com nove pontos. Já o Tricolor perdeu a oportunidade de assumir a liderança da competição, ficando na 3ª posição com 10 pontos.

Grêmio e Juventude fizeram uma etapa inicial de baixa qualidade. As chances demoraram a aparecer. Porém, o Tricolor conseguiu achar o gol um pouco antes do intervalo. Ferreira chutou, e contou com um desvio de um defensor, para vencer o goleiro adversário.

Porém, na etapa final o Ju passou a mandar na partida e conseguiu o empate aos 17 minutos. O atacante Matheus Peixoto marcou de cabeça após receber cruzamento de Eltinho. E a virada não demorou a acontecer, pois, três minutos depois, o juiz marcou pênalti em cima de Marcos Vinicios. Eltinho foi para a cobrança e venceu o goleiro Brenno.

Leia Também:  Daniel Alves diz que futebol brasileiro 'precisa evoluir'

A partir daí, o Grêmio até buscou o gol de empate, mas o placar ficou no triunfo de 2 a 1 para o Juventude.

Outros resultados da rodada nesta quinta:

São Luiz 1 x 1 Esportivo
Ypiranga-RS 4 x 1 São José-RS
Pelotas 0 x 2 Aimoré

Edição: Fábio Lisboa

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

ESPORTES

Em jogo frio, Caxias e Joinville não saem do zero pela Série D

Publicados

em


A onda de baixas temperaturas que atingiu o Sul do Brasil nos últimos dias parece ter afetado Caxias-RS e Joinville-SC. A partida deste domingo (1º), entre gaúchos e catarinenses, pela nona rodada da Série D do Campeonato Brasileiro, teve poucas emoções e o placar no estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS), não saiu do zero. O duelo foi transmitido ao vivo pela TV Brasil.

O empate não muda a situação das equipes no Grupo 8. O JEC, ainda invicto, ocupa o segundo lugar da chave, com 17 pontos, quatro a mais que os gaúchos, que aparecem na terceira posição. Se a primeira fase terminasse agora, ambos estariam classificados ao mata-mata.

O primeiro tempo teve o Caxias com mais presença ofensiva, apesar de pouca efetividade. Foi dos anfitriões a chance de gol mais clara da partida. Aos 42 minutos, o meia Jean Dias cobrou falta fechada, pela esquerda, e o lateral Bruno Ré, livre na pequena área e quase “grudado” na trave, cabeceou para fora.

As equipes foram para o intervalo na bronca com a arbitragem. Aos 12 minutos, o lateral Lucas Carvalho levantou na área pela direita e o goleiro Rafael Pascoal segurou a bola com os pés dentro do gol e as mãos esticadas tentando evitar que a redonda cruzasse a linha. Os jogadores do time gaúcho reclamaram. Aos 35, o atacante Chrystian foi derrubado na linha da área pelo meia Paulinho Santos, mas a arbitragem nada marcou, para revolta do elenco do Joinville.

Leia Também:  Massaranduba busca a 7ª vitória consecutiva em setembro enfrentando o americano Paul Felder

Os catarinenses voltaram mais agressivos para o segundo tempo. Aos 11 minutos, Chrystian fez o giro na área e acertou a trave. A partida, no entanto, caiu sensivelmente de ritmo, com as equipes apresentando dificuldades para criar lances de perigo. Os goleiros pouco trabalharam nos 45 minutos finais.

No próximo sábado (7), o JEC recebe o Rio Branco-PR na Arena Joinville, às 15h (horário de Brasília). No mesmo horário, no domingo (8), o Caxias visita o Aimoré-RS no Monumental Cristo-Rei, em São Leopoldo (RS). Os duelos valem pela décima rodada da Série D.

Edição: Marcio Parente

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA