AMARANTE

Brasil

Força Nacional começa a atuar a partir de hoje no Amazonas

Avatar

Publicado em

Brasil


Militares da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) deverão ser deslocados para o Amazonas, em apoio ao governo do estado, nas ações de combate ao crime organizado em Manaus e municípios do interior. A portaria do Ministério da Justiça e Segurança Pública, autorizando o emprego da FNSP, está publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (8).

De acordo com a portaria, os militares atuarão em atividades e serviços imprescindíveis à preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, por 30 dias, a contar de hoje, data de publicação do documento. As ações serão em caráter episódico e planejado.

O documento diz ainda que a operação terá o apoio logístico do governo amazonense, que deverá dispor da infraestrutura necessária à Força Nacional de Segurança Pública. “O contingente a ser disponibilizado obedecerá ao planejamento definido pela diretoria da Força Nacional”.

Ataques em Manaus

Desde a noite de sábado (5), criminosos iniciaram uma série de ataques a prédios públicos em Manaus, entre eles uma Unidade Básica de Saúde (UBS). Os marginais também atiraram contra a sede do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) e incendiaram ao menos um caixa eletrônico na capital amazonense.

Leia Também:  Mega-Sena sai para apostador da Bahia

Novos ataques aconteceram na madrugada de domingo (6), quando ao menos 14 ônibus, duas viaturas policiais, um estabelecimento comercial e um transformador de energia elétrica foram incendiados na capital amazonense e prédios públicos e veículos depredados em outras cidades do estado.

Nessa segunda-feira (7), o governo do Amazonas informou a prisão de 31 suspeitos de envolvimento nos ataques criminosos. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, acusados de liderar os ataques estão entre os presos.

Nas ações de policiamento, foram apreendidas uma arma de fogo e uma metralhadora. Além disso, 40 barreiras de fiscalização foram montadas na capital para realização de abordagens e vistorias de veículos. Cerca de 250 equipes das polícias Civil e Militar estão realizando rondas no estado.

Na noite de domingo, o governador do Amazonas, Wilson Lima, pediu ao Ministério da Justiça o envio de tropas da Força Nacional para reforçar o trabalho de combate ao crime organizado no estado.

Edição: Aécio Amado

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasil

Morre em Brasília o ex-vice-presidente da República, Marco Maciel

Avatar

Publicados

em

Ex-vice-presidente Marco Maciel Foto: Agência Senado

Morreu neste sábado em Brasília o ex-vice-presidente da República, Marco Maciel. O político também foi deputado federal, senador e governador de Pernambuco. A Presidência da República decretou luto oficial de três dias no país.

Marco Maciel tinha 80 anos estava internado para tratar de uma infecção respiratória. Há 7 anos lutava contra a doença de Alzheimer. Advogado, começou na política em 1966,foi deputado, senador, governador de Pernambuco e vice-presidente da República nos dois mandatos de Fernando Henrique Cardoso. Também ocupou uma cadeira na academia brasileira de Letras.

Pelas redes sociais, políticos lamentaram a morte o ex-presidente. Fernando Henrique Cardoso disse que a principal característica de Marco Maciel era lealdade e que exercia as suas funções com competência e discrição.

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou que Maciel contribuiu para o engrandecimento do Brasil pautado por ética e probidade. O presidente do Senado Rodrigo Pacheco considerou uma enorme perda para a política brasileira. já o presidente da Câmara, Arthur Lira, disse que Marco Maciel foi um homem aberto ao diálogo.

Leia Também:  Mega-Sena acumula e deverá pagar R$ 30 milhões no próximo concurso

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, decretou sete Dias de luto oficial e declarou que o Brasil perde um político sempre aberto ao entendimento. ACM Neto, presidente do DEM – partido que Marco Maciel ajudou a fundar, falou em história irretocável e dedicação ao Brasil. O corpo de Marco Maciel foi velado no Senado Federal em uma cerimônia fechada para familiares e amigos.

Autoridades dos três poderes compareceram. Os dragões da independência fizeram as honras carregando o caixão em marcha até o salão negro. Marco Maciel deixa mulher e três filhos.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA