AMARANTE

ESPORTES

Ferroviária supera Bahia e encosta nos líderes do Brasileiro Feminino

Avatar

Publicado em

ESPORTES


Atual campeã da Libertadores Feminina, a Ferroviária venceu o Bahia por 1 a 0 nesta quarta-feira (28), no estádio de Pituaçu, em Salvador, na abertura da quarta rodada da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro. Foi o segundo triunfo seguido das Guerreiras Grenás e o quarto jogo sem vitória das Mulheres de Aço pela competição.

A Ferrinha chegou aos mesmos sete pontos de Palmeiras, Internacional e Grêmio, ficando atrás de Palestrinas e Gurias Coloradas no saldo de gols e igualando-se às tricolores na quarta posição. Os três rivais, porém, ainda têm compromisso pela rodada. As baianas permanecem com dois pontos: estão na 13º colocação, na zona de rebaixamento.

As anfitriãs tiveram a primeira boa chance do jogo aos 16 minutos do primeiro tempo. A atacante Gabi Itacaré ficou cara a cara com Luciana, mas chutou em cima da goleira. Com dificuldades para chegar no toque de bola, as paulistas assustaram em lances de bola parada. Duas vezes, aos 19 (com os pés) e 25 minutos (de cabeça), a zagueira Ana Alice ficou no quase. Pouco antes do intervalo, as baianas perderam outra oportunidade clara com a atacante Ellen, que finalizou por cima, quase da entrada da pequena área.

Leia Também:  Mirassol está nas quartas de final da Série D

Na etapa final, a Ferroviária seguiu com mais volume de jogo. Aos cinco minutos, a meia Amanda cabeceou rasteiro, rente à trave esquerda do Bahia. Três minutos depois, a meia Aline Milene bateu com perigo da entrada da área e a goleira Anna Bia defendeu em dois tempos. Aos 32, a lateral Ludmilla cruzou pela direita e a meia Rafa Mineira, livre e quase na pequena área, concluiu por cima.

A pressão deu resultado aos 35 minutos. Rafa Mineira levantou na área, Ana Alice se antecipou, deslocando a marcação com o domínio, e mandou para as redes. Foi o primeiro gol da zagueira-artilheira no Brasileirão. Ela foi a artilheira da Ferrinha na Libertadores, com três gols. Nos acréscimos, a lateral Barrinha teve a chance do segundo gol na entrada da pequena área pela esquerda. A zaga do Bahia afastou mal, Barrinha aproveitou, mas chutou à esquerda, rente à trave.

Real Brasília 1 x 0 Avaí/Kindermann

Também nesta quarta (28), o Real Brasília impôs ao Avaí/Kindermann a terceira derrota consecutiva no Brasileiro. No estádio Ciro Machado do Espírito Santo, o Defelê, em Ceilândia (DF), as Leoas do Planalto superaram as Leoas Caçadoras por 1 a 0. As brasilienses, com sete pontos e saldo zero, aparecem em sexto lugar na classificação geral. As catarinenses, com três pontos, estão em décimo e podem cair posições com a sequência da rodada.

O duelo foi bastante truncado, com o time anfitrião melhor na maior parte dos 90 minutos. No primeiro tempo, aos 47 minutos, a goleira Bárbara evitou o primeiro do Real Brasília ao defender, frente a frente, uma paulada da atacante Gadu. Na etapa final, aos três minutos, a camisa 1 do Avaí/Kindermann salvou, com a ponta dos dedos, uma cobrança de falta perigosa da zagueira Isabela.

Leia Também:  CBV divulga calendário das quartas de final da Superliga Feminina

A chance mais clara das catarinenses veio nos acréscimos. Aos 46 minutos, a meia Pati Llanos cruzou pela esquerda e a atacante Raíza cabeceou na trave esquerda. A “punição” pela oportunidade desperdiçada veio três minutos depois. A meia Daniele Silva abriu na esquerda e a atacante Janety, de primeira, concluiu para o gol. A atacante Larissa quase empatou na sequência, mas o chute próximo à marca do pênalti passou à esquerda da meta.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Fluminense pode ter mudanças contra Junior Barranquilla nesta terça

Avatar

Publicados

em


Basta apenas um empate no confronto com o Junior Barranquilla nesta terça-feira (17), no Maracanã, para o Fluminense garantir vaga nas oitavas de final da Taça Libertadores da América. A partida terá transmissão da Rádio Nacional, às 21h30 (horário de Brasília), com a locução de André Marques, comentários de Waldir Luiz, além da reportagem de Mauricio Costa e, no plantão, Luiz Ferreira.

Ouça Fluminense x Junior Barranquilla, a partir das 21h30 (horário de Brasília), clique abaixo:

O momento então é de poupar titulares para a decisão do próximo sábado (22) do Campeonato Carioca? Não é bem assim que o técnico Roger Machado encara a situação.

“Não tem como pensar no outro fim de semana. A gente pensa jogo a jogo. Parece um chavão, mas confesso que antes da decisão, no jogo para a Libertadores, eu nem iniciava pensar sobre o clássico do final de semana porque não tem espaço mental para que isso aconteça. A partir de amanhã (domingo), a gente volta novamente para a Libertadores, recupera energia mental e foca nesse resultado que nos dará a vaga. Posteriormente, quando tem o apito final, a gente se dedica novamente ao clássico”, comentou o técnico, no sábado (15), depois do empate com o Flamengo por 1 a 1 na primeira partida da final do Cariocão.

O Fluminense vem atuando com força máxima nos jogos, mas dificilmente será o momento de Roger fazer testes. Afinal, depois do compromisso pela Libertadores, a equipe terá mais três dias até a decisão do Carioca.

Leia Também:  CBV divulga calendário das quartas de final da Superliga Feminina

Isso não quer dizer que o time será o mesmo. Além da dúvida sobre a escalação de Gabriel Teixeira e Luiz Henrique, e depois da atuação apagada de Nenê e a boa entrada de Cazares, o treinador pode escolher um time diferente.

Roger Machado diz que Cazares pode ter uma oportunidade como titular. Roger Machado diz que Cazares pode ter uma oportunidade como titular.

Roger Machado diz que Cazares pode ter uma oportunidade como titular. – Mailson Santana/Fluminense FC

“Eu não optei pelo Gabriel na posição do Luiz por uma questão técnica (contra o Flamengo). Optei por uma questão estratégica. Para o próximo jogo tudo é possível, assim como eu entrei com o Cazares no segundo tempo, ele poder ter uma oportunidade como titular. A gente vai alternando e pegando o melhor momento de cada jogador para que a gente consiga ter uma evolução como equipe”.

O Tricolor lidera o Grupo D da Libertadores, com oito pontos. O River Plate é o segundo, com seis, seguido pelo Junior Barranquilla, que soma três pontos. O lanterna é o Independiente Santa Fé, que tem apenas dois pontos em quatro rodadas.

Edição: Gustavo Faria

Leia Também:  Mirassol está nas quartas de final da Série D

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA