Menu...

Última Notícia

12 de dezembro de 2017

Galvão comete gafe ao pedir que cadeirante fique de pé durante hino nacional


Hospital de Olhos

Gafe de Galvão Bueno – O narrador esportivo da Globo, Galvão Bueno, cometeu uma gafe na última quinta-feira (18), durante a transmissão dos jogos olímpicos.

Ele pediu para que todos ficassem de pé durante a execução do hino nacional, incluindo o cadeirante que estava no estúdio.

Depois da vitória de Usain Bolt nos 200 m rasos, o narrador pediu que o humorista Marcelo Adnet cantasse o hino jamaicano, em homenagem ao vencedor da prova.

“Vamos lá, todos de pé, por favor, que nós vamos ouvir com muito respeito o hino da Jamaica”, disse ele.

“Por isso que eu nem levantei. Deixa eu ficar sentado”, declarou o atleta cadeirante de forma bem-humorada.

Entre os convidados estava o comentarista Lars Grael.

Em outro momento durante a Rio-2016, Galvão foi criticado por um comentarista da BBC porque não fazia silêncio antes de uma prova de natação, quando queriam ouvir o sinal sonoro de largada.

Gafe de Galvão recebe críticas nas redes sociais

galvao

Tags:

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE