Menu...

14 de dezembro de 2017

Aos 40 anos, Alexandre Pessoal, filho de Erasmo Carlos, tem morte cerebral


Hospital de Olhos

Alexandre Pessoal, filho do cantor Erasmo Carlos, morreu na noite desta terça-feira (13). O músico, de 40 anos, não resistiu aos ferimentos após sofrer um grave acidente de trânsito na última quarta-feira (07), no Rio de Janeiro, e teve morte cerebral confirmada.

“Nosso querido amigo, vocalista do Fica Comigo, Alexandre Pessoal (Gugu) faleceu nesta terça-feira. Deixamos aqui nossos sentimentos aos amigos e familiares, fãs e todos os companheiros do Fica Comigo. Fica com Deus, Gugu… Sentiremos sua falta”, declarou um amigo de Alexandre em nome do bloco Carrossel de Emoções, no Facebook.

Luiz Lopes, guitarrista de Erasmo Carlos, anunciou também na rede social que o show marcado para esta noite em Brasília foi cancelado. “O filhote do Tremendão está numa situação muito difícil… Não vai mais rolar o show em Brasília. Estou mandando minhas orações e positividades!”, escreveu, sendo questionado por amigos sobre a morte do cantor: “Sim (ele morreu). É hora de cuidar de quem está por aqui”, escreveu o músico, referindo-se aos familiares do amigo.

No Twitter, amigos de Alexandre também lamentam a morte de Alexandre. “Valeu, xará. Sentiremos sua falta”, escreveu o empresário Gustavo Gugu. “Infelizmente não resistiu e já deixa saudades”, comentou a produtora cultural Patrícia Mello.

“Um grande vascaíno que nos deixa. Que descanse em paz”, lamentou o assessor de imprensa do clube Vasco da Gama, Vinicius Gonçalves. “Tive oportunidade de trabalhar com ele quando o mesmo apresentava a Vasco TV. Um grande cara, cheio de saúde, projetos e alegria. Uma pena. Força aos amigos e familiares”.

Acidente de moto

Alexandre caiu de sua moto, uma scooter, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da capital fluminense, após sair da casa do pai. Com o impacto, o filho de Erasmo sofreu traumatismo craniano e perfuração no pulmão. Um taxista que passava pelo local do acidente o socorreu e o levou para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, no mesmo bairro.

De lá, o músico foi transferido para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, e, depois, para o Hospital Barra D´Or. No sábado (10), ele entrou em coma induzido. “Força meu filho… Seu pai estará sempre com você”, escreveu Erasmo, no mesmo dia, no Twitter.

“A solidariedade é uma das formas mais nobres do amor. Obrigado ao exército de amigos que torcem pelo meu filho querido. Deus está ouvindo”, agradeceu o cantor em outra postagem no microblog.

Na segunda-feira (12), o quadro clínico de Alexandre ainda apresentou melhora. Sua febre tinha sido controlada e a pressão craniana estava em um nível satisfatório. Hoje, no entanto, a situação piorou. Segundo boletim assinado pelo neurocirugião José Alberto Landeiro, a pressão intracraniana aumentou, seguida por alterações na pupila. Uma tomografia ainda revelou uma hemorragia cerebral e hidrocefalia (acúmulo anormal de líquido ao redor do cérebro).

O músico era integrante do grupo de pagode Fica Comigo. Além de Alexandre, Erasmo também é pai de Leonardo Esteves e do baterista Gil Eduardo, ex-integrante da banda Blues Etílicos. Ainda não há informações sobre o enterro do músico.

logopurepeople

Tags: ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE