3:11 pm - sexta-feira novembro 22, 4447

Weidman: ‘Não foi acidental o lance’

Edição e postagem: Denison Duarte, em 29-12-2013 18:56 | Última modificação: 29-12-2013 19:02
Hospital de Olhos

Ninguém entra em uma luta de MMA tendo como meta quebrar a perna de um rival e assim sair vencedor. Lances como o de Anderson Silva no último sábado, no UFC 168, é uma fatalidade. Porém, a situação e a maneira que Chris Weidman defendeu o chute que gerou a fratura foi muito treinada pelo campeão.

Por mais que não tenha quebrado propositadamente a tíbia do brasileiro, o norte-americano teve, sim, méritos técnicos no lance. Por mais chocante que seja a cena, é um recurso da luta e a fratura, como disse Vitor Belfort, faz parte do trabalho, ainda mais em um esporte de contato como o MMA.

Weidman explicou que durante toda a preparação ele treinou a defesa desse tipo de chute baixo e muito forte de Anderson, principalmente depois de ele tê-lo usado em alguns momentos na primeira luta entre eles em julho. Assim, ele tinha a noção que isso poderia acontecer.

“Não acho que é acidental quando você treina algo e funciona. Meu treinador Ray Longo já quebrou a perna de um cara na academia desse jeito e muitos em sua carreira como lutador, colocando o joelho quando ele ia chutar. Seria um joelho com joelho, mas você levanta a perna um pouco mais devagar e vira um canela com joelho. Treinei com grandes chutadores e fiz isso para eles saberem como não devem me chutar. Isso foi algo realmente treinado”, contou.

Mas a felicidade da vitória e de uma técnica bem utilizada contrastava com a tristeza de ver o rival tão gravemente lesionado. “Quando vi que tinha quebrado a perna dele, me senti mal. Ele ainda é o melhor de todos os tempos. Esse cara merece muito que Deus o abençoe”, completou o campeão dos médios do UFC.

Anderson Silva foi encaminhado para um hospital em Las Vegas assim que a luta acabou. Lá, ele passou por uma cirurgia para recuperar a tíbia e a fíbula fraturadas e ficará alguns dias em observação. O prognóstico de recuperação é de até seis meses e o ex-campeão, em comunicado, disse que ainda não tem qualquer tipo de decisão sobre seu futuro.

 

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE