AMARANTE

POLÍTICA

Escola do Legislativo abre inscrições para elaboração de projetos para captação de recurso

Avatar

Publicado em

POLÍTICA


A Escola do Legislativo está com vagas abertas para o curso de extensão “Elaboração de Projetos para Captação de Recursos”, no período de 17 a 21 deste mês. O início das aulas do curso está condicionado à formação das turmas. A carga horária é de 20h e a modalidade é on-line, através da plataforma Zoom, das 18h às 22h. O investimento é de R$ 70,00.

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail [email protected] ou presencialmente. O curso vai ser ministrado pela especialista Lucineide Rodrigues.

O objetivo do curso é propiciar conhecimentos dos elementos básicos para identificação e elaboração de projetos a fim de desenvolver habilidades na elaboração de projetos sociais e na captação de recursos públicos ou privados de organizações e fundações.

O conteúdo programático consiste em: Estado e Políticas, Gestão Social e Terceiro Setor; Planejamento Estratégico Participativo e Projetos Sociais; Elementos Estruturais e Marco Lógico; Responsabilidade Social e Fiscal e Elaboração de Projetos para a certificação do curso.

A metodologia adotada conta com aulas expositivas, discussões, debates, vídeos, seminários, livros, apostilas, recursos audiovisuais e trabalhos em grupo.

Leia Também:  Tererê faz crítica: “Wellington Dias traiu Jesus; só falta trair o diabo”

Lucineide Rodrigues é formada em Filosofia pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), pós-graduada em Elaboração de Projetos Sociais e de Captação de Recursos pela Faculdade Adelmar Rosado(FAR) e em Gestão Estratégica de Pessoas com Coaching pela Faculdade das Atividades Empresariais de Teresina(FAETE). A ministrante é pós-graduanda em Administração e MBA em Gestão de Projetos pela Universidade de São Paulo(USP). Além de ser professora, Lucineide presta consultoria.

Segundo o coordenador-geral da Escola do Legislativo, Francisco Farias, os alunos vão receber técnicas atualizadas do processo sobre como formatar projetos no sentido de alocar recursos para aplicá-los em serviços que beneficiam o coletivo. “É mais um curso de extensão que a Escola do Legislativo oferece à comunidade”, pontuou.

Elinor Campos – Edição: Katya D’Angelles

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

Teresa Britto é contra o fechamento da maternidade municipal do Satélite

Avatar

Publicados

em


Em vistoria realizada no Hospital e Maternidade do bairro Satélite, na quinta-feira (13), a deputada estadual Teresa Britto (PV) checou o atendimento aos pacientes e também as condições de trabalho da equipe de saúde e servidores administrativos. Acompanhada da vereadora de Teresina, Polyanna Rocha (PV), a parlamentar também apurou denúncias de que a Prefeitura planeja fechar ou remanejar a Maternidade do Satélite.

“Desde já, me posiciono contra esse projeto, uma vez que essa maternidade é referência para toda a zona Leste de Teresina, além de municípios vizinhos que fazem parte do Território Entre Rios, como União, José de Freitas, Miguel Alves, Lagoa Alegre e outros. Em vez de fechar, a Prefeitura precisa ampliar o atendimento já oferecido e também retomar as cirurgias eletivas e outros procedimentos à população”, explica.

Teresa Britto afirmou, também, que o Hospital e Maternidade do Satélite conta com uma boa equipe técnica e uma estrutura adequada de atendimento à população.

“Fechar ou remanejar a Maternidade significa deixar desamparada toda uma zona de Teresina, sem falar das gestantes de outros municípios. O centro de saúde tem uma excelente equipe técnica e já foi, inclusive, premiado nacionalmente. A população está preocupada com esse projeto e eu também estou, já que esse fechamento não será benéfico para Teresina e para o Piauí”, concluiu.

Assessoria parlamentar – Edição: Katya D’Angelles

Leia Também:  Ciro Nogueira será titular das comissões mais importantes do Senado

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA