AMARANTE

GERAL

Escavação em rodovia de SP revela fragmentos de dinossauro

Avatar

Publicado em

GERAL


Trabalhadores encontraram fragmentos de fósseis de dinossauros enquanto faziam a escavação de uma galeria para escoamento de água de chuva na rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294). As peças foram encontrados nas obras de uma praça de pedágio, a uma profundidade de 20 metros da superfície do solo, no quilômetro 623 da rodovia, entre as cidades paulistas de Irapuru e Pacaembu. 

Segundo a concessionária da rodovia, a Eixo SP, as obras foram paradas imediatamente para que os trabalhos paleontológicos fossem feitos. Os trabalhos foram desenvolvidos pelo paleontólogo Fabiano Vidoi Iori e pelo biólogo Leonardo Paschoa, ambos pesquisadores do Museu de Paleontologia Pedro Candolo, em Uchoa (SP).

De acordo com a Eixo SP, as pesquisas indicam que entre as dezenas de fragmentos fósseis encontrados estão ossos dos gigantes titanossauros – os dinossauros “pescoçudos”, quadrúpedes e herbívoros que podiam alcançar por volta de 20 metros de altura – e dentes de abelissaurídeos, dinossauros predadores bípedes, que chegavam a até nove metros de comprimento.

Leia Também:  Cartórios paulistas registram menos mortes de idosos por covid-19

Outros fragmentos extraídos sugerem que no período Cretáceo – que durou de 145 milhões a 65 milhões de anos atrás – a região era formada por rios e lagos. O material encontrado também inclui ossos, escamas e dentes de crocodiliformes; escamas de peixes; e restos de cascos e esqueletos de cágados, uma fauna que viveu por volta de 85 milhões de anos atrás.

“Dentre os fósseis coletados, temos peças bem importantes, em especial os fragmentos cranianos, que vão permitir investigar mais a fundo se as espécies descobertas são inéditas ou já catalogadas na região”, destacou o paleontólogo Fabiano Vidoi Iori.

Parte de mandíbula de Peirosauridae encontrada em obras em rodovia de São Paulo.Parte de mandíbula de Peirosauridae encontrada em obras em rodovia de São Paulo.

Parte de mandíbula de Peirosauridae encontrada em obras em rodovia de São Paulo. – Divulgação/Eixo SP

Os fósseis foram levados para o Museu de Paleontologia de Uchoa e estarão expostos na reabertura do espaço, atualmente fechado em cumprimento às medidas restritivas de combate à pandemia de covid-19.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GERAL

MMA abre edital para concessão da Floresta Nacional de Canela, no RS

Avatar

Publicados

em


O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, lançou hoje (6), o edital para concessão da Floresta Nacional de Canela (Flona de Canela), localizada no Rio Grande do Sul. O objetivo é fomentar o ecoturismo nessa unidade, a exemplo de outras frentes similares que estão sendo desenvolvidas em outros parques nacionais e unidades de conservação federais.

De acordo com o MMA, o edital, lançado em evento no município gaúcho de Canela, “estabelece obrigações para os investidores, como a manutenção da brigada de incêndio da unidade e o monitoramento e manejo de espécies”, conforme informa o ministério.

A expectativa é de que a concessionária vencedora realize também serviços como a manutenção, limpeza e infraestrutura, de forma a tornar a experiência de ecoturismo mais atrativa e segura.

“Conforme modelagem desenvolvida em conjunto com o Programa de Parcerias de Investimento do Governo Federal (PPI), a previsão de investimentos totaliza mais de R$ 9 milhões em infraestrutura e supera R$ 84 milhões em despesas operacionais, priorizando a geração de emprego e renda”, informou a pasta.

Leia Também:  Lula tem resposta inesperada ao tentar desqualificar ministro da Saúde

O processo de concessão prevê o desenvolvimento de estudos de viabilidade, no qual serão apresentadas as regras para participação dos interessados na concessão.

A Flona de Canela tem uma área de aproximadamente 557 hectares, com altitudes que variam de 740 a 840 metros. A unidade apresenta áreas de Mata Atlântica, e se destaca entre as turísticas com maior potencial na principal rota turística do Sul do Brasil, a Serra Gaúcha.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA