Menu...

14 de dezembro de 2017

Detentas do Piauí viram atrizes e vão ter filme exibido na Mostra de Cinema e Direitos Humanos


Hospital de Olhos

Detentas atrizes no Piauí – Protagonizado por detentas da Penitenciária Feminina de Teresina do Piauí, o filme ‘A dor que mora em mim’ vai ser exibido em novembro na Mostra de Cinema e Direitos Humanos.

O filme é um longa metragem com duração de 70 minutos.

A história é centrada na personagem Rafaela Gregório, que chegou a causar distúrbios nas penitenciárias onde já esteve como presidiária.

Ela é parte integrante de um projeto de ressocialização pelo teatro Mulheres de Aço e de Flores, que foi desenvolvido pela Secretaria de Justiça do Piauí e pela gerência da Penitenciária Feminina de Teresina.

O secretário de Justiça, Dr. Daniel Oliveira, acredita que o filme abre novas possibilidades para o desenvolvimento do processo de reintegração social no Piauí, fomentando o potencial artístico das reeducandas”.

O filme conta com um elenco composto de 82 reeducandas e também de atores convidados.

“A preparação foi bem diferente da feita para a peça, já que são linguagens distintas, a preocupação de não olhar para a câmera, de falar normal, dentre outros aspectos”, explica o arte-educador Valdsom Braga.

Para a reeducanda Rafaela Gregório, que antes se considerava bagunceira, o trabalho representa uma ação que deu certo.

“Antes, eu era muito bagunceira, mas me encontrei através do teatro. Eu busquei e resgatei a Rafaela que tinha dentro de mim, que estava quase morta, e dei uma segunda chance para ela. Escolhi mudar através da arte”, disse.

Para o diretor e produtor, Valdsom, cada detenta vive a própria história no filme. Ele considera que “o processo foi positivo para o trabalho de ressocialização desenvolvido na unidade.

Este ano, a 11ª Mostra Cinema e Direitos Humanos vai ser realizada nas 26 capitais e no Distrito Federal, com todas as sessões gratuitas.

A Mostra de Cinema e Direitos Humanos, que atualmente acontece em todas as capitais do Brasil, existe há dez anos, e representa uma ação estratégica da Secretaria Especial de Direitos Humanos que visa celebrar o aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Detentas atrizes no Piauí | A dor que mora em mim

e952e0baabb2d173

Foto: Portal AZ

Com informações do Portal AZ

Tags:

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE