AMARANTE

PIAUÍ

Encontro Interinstitucional MPPI/MPPB encerra com palestras sobre proteção das vítimas

Avatar

Publicado em

PIAUÍ


Os Ministérios Públicos do Piauí e da Paraíba realizaram na tarde desta terça-feira (06) o último dia do Encontro Interinstitucional. O evento, iniciado nesta segunda-feira (05/04), trouxe como destaque o debate sobre a proteção aos direitos das vítimas de crimes.

(Promotores de Justiça Eliane Gaia e Lélio Calhau)

O encontro teve início às 14h45 com falas de abertura dos promotores de Justiça Eliane Gaia, do MP do Pernambuco, e Lélio Calhau, do MP de Minas Gerais. Ambos destacaram a importância do evento como um exemplo para todo o MP nacional, em especial na atuação em prol das vítimas.

(Promotor de Justiça Dmitri Nóbrega Amorim e Procurador da República Douglas Fishcer)

Na sequência, o procurador da República na 4ª região Douglas Fischer discutiu sobre o tema “Obrigações Processuais Penais Positivas e o Direito das Vítimas”. O momento foi mediado pelo promotor de Justiça Dmitri Nóbrega Amorim, do MP da Paraíba.

(Promotores de Justiça Márcio Carcará e Danni Sales)

Em seguida, o promotor de Justiça Danni Sales, do MP de Goiás, palestrou sobre a influência da vítima no sistema de tomada de decisões dos jurados e contou com a mediação do promotor de Justiça Márcio Giorgi Carcará, do MP do Piauí.

Psicólogas Liandra Nogueira e Cíntia Yoshihara

Encerrando o ciclo de palestras, a psicóloga Cíntia Yoshihara tratou sobre as repercussões psicológicas dos crimes nas vítimas. A psicóloga do MPPI Lianda Nogueira foi quem mediou o debate.

Coordenadora do CAOCRIM, Luana Azerêdo.

Na mensagem de encerramento, a coordenadora do CAOCRIM, Luana Azerêdo, expressou agradecimentos aos palestrantes, participantes e aos que contribuíram com a realização do evento. Ressaltou ainda sobre o papel do Ministério Público brasileiro em ser protagonista na defesa das vítimas.

Leia Também:  Wilson participa de Encontro de Blogueiros e Radialistas em Picos

O evento foi organizado pelos CAOs Criminais do MPPI e do MPPB, com apoio dos Centros de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional de ambas instituições.

Clique aqui e reveja na íntegra o Encontro Interinstitucional do MPPI e do MPPB

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PIAUÍ

HGV e Justino Luz ampliam estrutura e tornam-se referência no tratamento da Covid-19

Avatar

Publicados

em


O Piauí enfrenta a segunda onda da pandemia da Covid-19 e os Hospitais Getúlio Vargas (HGV), em Teresina, e Justino Luz, em Picos, ambos gerenciados pela Fundação Estatal Piauiense de Serviços Hospitalares (Fepiserh), tornaram-se referência no tratamento da doença no estado.

Ítalo Rodrigues, presidente da Fepiserh, destaca que, com a ampliação do número de leitos de UTI no HGV, a unidade de saúde passou a contar com 70 leitos de terapia intensiva e tornou-se o maior hospital do estado com capacidade de atendimento na pandemia e um dos maiores do país. “Poucos hospitais no Brasil têm essa capacidade de atendimento. Somos grandes no tamanho, mas, sobretudo, na qualidade do serviço que ofertamos”, pontua o gestor.

O Hospital Justino Luz também aumentou a capacidade de atendimento e até o fim de abril deve receber 20 novos leitos clínicos para pacientes com Covid-19 com ventilação mecânica não invasiva.

Inaugurações

Nos próximos meses, o Governo do Estado inaugura uma ala de cirurgias cardíacas no HGV, passando a atender uma demanda reprimida no estado, que atualmente só realiza esse tipo de cirurgia pelo SUS em hospital privado credenciado.

Leia Também:  Empresa do Mato Grosso é condenada em R$ 500 mil por morte de piauiense

“O HGV será o primeiro hospital público do estado a oferecer cirurgia do coração”, afirma o presidente da Fepiserh, que também colocou no cronograma a inauguração do Centro de Parto Normal e a Casa da Gestante, em Picos.

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA