AMARANTE

POLÍCIA

Drogas foram apreendidas pelas equipes da PMPI

Publicado em

POLÍCIA


Na quinta-feira (10), a Polícia Militar do Piauí apreendeu entorpecentes em Teresina e Miguel Alves. 
Pela manhã, a guarnição do 9º Batalhão em rondas pela Rua Antônio Pedro no Parque Alvoradas visualizou um ciclista em atitude suspeita. Em ato contínuo, houve o acompanhamento. Ao perceber a aproximação da viatura o indivíduo empreendeu fuga e abandonou a bicicleta e uma mochila que continha 850 substâncias análogas a cocaína, 30 substâncias análogas ao crack e 26 de substâncias análogas a maconha. O material apreendido foi apresentado na Central de Flagrantes para adoção das medidas cabíveis.  
À tarde, o GPM de Miguel Alves em ação integrada com a Polícia Civil deu cumprimento a busca e apreensão em uma residência, onde foram encontradas 103 trouxas de substâncias análogas a maconha, 09 análogas ao crack e a quantia de R$ 1432,00. Um homem e os objetos foram encaminhados na Central de Flagrantes em Teresina. 
E a noite, a Força Tática do 1º BPM fez abordagem a uma dupla no Bairro Marquês. Em posse de um dos indivíduos estavam entorpecentes, por esse motivo ele foi conduzido para  a Central.
Postagem: SAV Ingrid Rodrigues
Fotos: PMs/Unidades
DCOM

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Assaltantes levam 800 mil euros de joalheria
Propaganda

POLÍCIA

PC-SP prende ex-prefeito piauiense com apoio da PC-PI

Publicados

em


Em ação realizada na quarta-feira (23.06), após investigação policial, a Divisão de Capturas do DOPE da Polícia Civil de São Paulo, com apoio da Gerência de Polícia Especializada da Polícia Civil do Piauí e Delegacia de Repressão a Crimes de Informática PC-PI, realizou a prisão de A.F.S.R., município de Caraguatatuba, cidade do litoral norte do Estado de São Paulo.

A prisão ocorreu em solicitação a mandado de busca e apreensão à Justiça Paulista e cumprimento a mandado de prisão expedido pela Justiça Piauiense.

A.F.S.R., conhecido como Xico Namastê, foi PREFEITO do município de Esperantina-PI, entre os anos de 2005 e 2008, sendo acusado por desvios milionários ocorridos enquanto ocupava o cargo público, respondeu a processo e integrava o rol de pessoas procuradas, com pena de doze anos e três meses.

As equipes da Divisão de Capturas se dirigiram à residência que servia de esconderijo do procurado e como escritório de uma empresa de tecnologia que comercializava em aplicativo voltado ao desenvolvimento dos pequenos comércios daquela região, não localizando inicialmente A.F.S.R., porém desenvolvidas diligências o mesmo foi encontrado no centro do município enquanto divulgava o aplicativo a pequenos comerciantes.

Leia Também:  Morre no HUT, suspeito de assalto baleado por passageiro de Van em Timon

O suspeito ainda apresentou documento falso, com dados de terceira pessoa, oriundo do Estado de Minas Gerais, constando sua fotografia, acrescentando ser primo de procurado, negando sua real identidade.

O capturado foi transportado à sede da Divisão de Capturas para realização dos procedimentos de Polícia Judiciária e será recolhido a estabelecimento prisional onde permanecerá à disposição da Justiça.

Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA