AMARANTE

Economia

Dólar fecha em alta. Bolsa tem dia de estabilidade

Publicado em

Economia

O dólar reverteu perdas de mais cedo e fechou em alta frente ao real nesta quarta-feira (22), acompanhando piora nos mercados internacionais devido a declarações do presidente do Federal Reserve (o banco central americano), Jerome Powell.

A divisa norte-americana à vista subiu 0,50%, a 5,1791 reais na venda, depois de ter chegado a cair 0,50%, a 5,1274 reais, em certo ponto das negociações.

O foco do dia esteve em comentários de Powell ao Congresso dos EUA, em que ele afirmou que o Federal Reserve está “fortemente comprometido” em reduzir a inflação -a mais intensa em 40 anos- e reconheceu os riscos que juros mais altos podem representar para a atividade da maior economia do mundo.

No cenário doméstico, alguns participantes do mercado apontaram o noticiário envolvendo a Petrobras e riscos fiscais como fator de amparo para o dólar, que costuma

No acumulado do ano, o dólar tem queda de 7% frente ao real.

Já a Bolsa de Valores fechou praticamente estável nesta quarta-feira, após quase perder o patamar dos 98 mil pontos no pior momento do dia.

Leia Também:  BNDES comunica substituição nas diretorias de Finanças e Jurídica

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa recuou 0,09%, a 99.595,45 pontos, de acordo com dados preliminares. Mais cedo, renovou mínima desde novembro de 2020, a 98.050,02 pontos. O volume financeiro no pregão somava 21,7 bilhões de reais.

*Com informações da Agência Reuters

Edição: Claudia Felczak

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Economia

Receita alerta para golpe do falso IOF antecipado via Pix

Publicados

em

Cobrado sobre operações de crédito e de câmbio, o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) está sendo usado por criminosos para enganar tomadores de empréstimos. A Receita Federal emitiu um alerta sobre estelionatários que se passam por supostas empresas para condicionar a liberação do crédito ao pagamento antecipado de IOF via Pix.

Segundo o Fisco, os fraudadores fornecem documentos falsos de notificação e de arrecadação que induzem o cidadão a recolher taxas inexistentes para a liberação do dinheiro. A vítima repassa o suposto IOF por meio de transferências Pix para pessoas físicas.

Boleto usado no golpe condiciona transferência de empréstimo a pagamento adiantado de IOF por Pix – Divulgação/Receita Federal

Em comunicado, a Receita Federal informa que jamais fornece dados para recolhimento de tributos ou de taxas via transferência. Segundo o órgão, os servidores do Fisco não prestam serviços de empréstimo à população nem entram em contato para cobrar pagamentos.

Embora alguns tributos possam ser pagos via Pix, a Receita esclarece que o IOF só pode ser quitado por meio de Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf), pago pela instituição que concede o empréstimo, não pelo tomador. Caso desconfie ser vítima de um golpe, a Receita Federal orienta que o cidadão procure imediatamente a polícia, munido de todas as provas possíveis, e registre um boletim de ocorrência.

Leia Também:  O desafio de conciliar geração de empregos com redução de custos

 

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Economia

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA