AMARANTE

ESPORTES

“Defendemos os direitos humanos”, diz Joachim Loew ao apoiar protesto

Avatar

Publicado em

ESPORTES


Os jogadores da Alemanha adotaram um posicionamento importante ao mostrar apoio aos operários imigrantes que constroem os estádios da Copa do Mundo de 2022 no Catar, e o técnico Joachim Loew disse que a seleção defende os direitos humanos, “não importa o local”.

A Alemanha se alinhou antes de sua primeira eliminatória do Grupo J contra a Islândia, em Duisburg, vestindo camisas com a mensagem “Direitos Humanos”.

A Noruega fez um protesto semelhante na quarta-feira (24) antes de sua partida em Gibraltar, quando os jogadores apareceram com camisas com a mensagem “Direitos humanos, dentro e fora de campo”.

Técnico da seleção da Alemanha, Joachim LoewTécnico da seleção da Alemanha, Joachim Loew

“Defendemos os direitos humanos, não importa o local. Estes são nossos valores”, disse Loew,  após a vitória da Alemanha por 3 a 0 sobre a Islândia pelas Eliminatórias – Reuters/Ralph Orlowski/direitos reservados

A iniciativas vêm na esteira de uma reportagem do jornal britânico The Guardian que disse que, segundo seus cálculos, ao menos 6.500 operários imigrantes morreram no Catar desde que o país conquistou o direito de sediar o Mundial de 2022, dez anos atrás.

Loew disse que soube do plano de seus jogadores para protestar, mas que não foi a “mola propulsora”.

“Os jogadores desenharam tudo nas camisas. Era para ser o primeiro pronunciamento nosso, do time”, disse. “Defendemos os direitos humanos, não importa o local. Estes são nossos valores. Portanto, foi um pronunciamento muito bom e importante.”

Ontem (25), um porta-voz do Comitê Supremo de Cumprimento e Legado, os organizadores da Copa do Mundo do Catar, disse que “sempre foram transparentes sobre a saúde e a segurança dos operários”.

“Desde que a construção começou, em 2014, houve três fatalidades relacionadas ao trabalho e 35 mortes não relacionadas ao trabalho”.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Astro do beisebol Hank Aaron morre aos 86 anos
Avatar

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

ESPORTES

Pré-Olimpicos de Saltos Ornamentais e Águas Abertas têm novas datas

Avatar

Publicados

em


A Federação Internacional de Natação (Fina) anunciou nesta sexta-feira (8) que remarcou para o período de 1 a 6 de maio a Copa do Mundo de Saltos Ornamentais em Tóquio (Japao), e realizará o Pré-Olímpico de Águas Abertas (maratonas aquáticas) nos dias 19 e 20 de junho, na cidade de Setúbal (Portugal). As competições foram adiadas no último dia 1º de abril, em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19). 

Por meio de nota oficial, a entidade disse que ainda estuda uma nova data para o Pré-Olímpico de Nado Artístico, inicialmente marcado para o período de 18 a 23 de abril, em Tóquio. O torneio foi cancelado no último dia 3, também em razão da pandemia. 

No Pré-Olímpico de Saltos Ornamentais, o Brasil será representado por oito atletas classificados em seletiva realizada em fevereiro, no  Rio de Janeiro: Ingrid Oliveira, Giovanna Pedroso, Anna Lucia Santos, Luana Lira, Isaac Souza, Ian Matos, Luis Felipe Moura e Kawan Pereira. 

Leia Também:  Seleção feminina de rugby encerra 1º dia em Dubai na quarta posição

Em março, foi realizada a Seletiva Brasileira para o Pré-Olímpico de Maratona Aquática. Foi definido que Guilherme Costa e Allan do Carmo representarão o Brasil em busca da última vaga para as Águas Abertas.

Os nadadores Guilherme Costa e Allan do Carmo vão brigar pela da última vaga para no Pré-Olímpico de  Águas Abertas. Eles se classificaram em março, em seletiva brasileira. 

No Pré-Olímpico de Nado Artístico, o país terá o dueto Laura Micucci e Luisa Borges.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA