Menu...

Última Notícia

15 de dezembro de 2017

Em Amarante, suspeito de tráfico é preso após atirar em desafeto e apontar arma para criança


Hospital de Olhos

Uma rápida ação da Força Tática neste sábado (25) levou à prisão um suspeito de tráfico de drogas identificado como Bruno da Costa Sousa, conhecido como Xenga Lenga.

Foram apreendidos também dois menores, segundo informações, por envolvimento com o tráfico. Todos, segundo a polícia, são do Morro do Bacabau, que fica por trás do colégio Antonio Gramoza.

Com os três, foram encontradas 17 pedras de crack, três trouxas de cocaína e cinco de maconha. Um dos apreendidos é irmão de Bruno da Costa Sousa.

A Força Tática afirmou ao Somos Notícia que é comum o surgimento de denúncias dos suspeitos por envolvimento com drogas em Amarante e também por disparos de arma de fogo contra desafetos.

Uma das ocorrências foi registrada na noite desta sexta-feira, em frente ao Polivalente de Ensino Médio, quando Bruno da Costa e o irmão (menor) efetuaram vários disparos contra um desafeto.

“Ontem, dia 24, os irmãos tentaram contra a vida de um desafeto conhecido como Ramon, efetuando disparos de arma de fogo contra este em frente ao Polivalente de Ensino Médio no Centro de Amarante. Nenhum dos tiros acertou o rapaz. Depois foram até a casa da mãe do desafeto e também efetuaram disparos lá, chegando a apontar a arma de fogo para uma criança, segundo relatos de familiares da vítima”, afirmou o tático, cabo Giordano.

Uma estratégia de ação, deflagrada pela Força Tática em parceria com a Polícia Militar de Amarante, resultou na prisão de Bruno da Costa, e da apreensão do irmão (menor de idade) e de um terceiro, que também é menor e estava envolvido no delito.

“Não conseguimos encontrar a arma de fogo que eles estão utilizando, pois há suspeitas de que eles estejam alugando a arma. Com os três, encontramos: 17 pedras de uma substância análoga ao crack, três trouxas de outra substância análoga à cocaína e outras cinco trouxas de substância análoga à maconha”, encerrou o cabo.

Os três foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Água Branca para as providências cabíveis.

Participaram da estratégia de ação a guarnição da Força Tática da 2ª Cia, do 18º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Regeneração – composta pelo Cabo Giordano e os Soldados Magno, Vilarinho e Rodolfo. Os policiais tiveram o apoio do cabo Jacques, do Grupamento de Polícia Militar (GPM) de Amarante, e do cabo Rubens da Força Tática 2.


Tags:

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE