Menu...

22 de junho de 2018

Durante manifestação, suspeito de matar anão de Amarante é detido por ordem da Justiça


Hospital de Olhos

ATUALIZADA ÀS 18h02
Durante a manifestação realizada em frente a Delegacia de Amarante, na tarde desta quinta-feira, 30, o Ministério Público deu parecer favorável e a Justiça determinou a prisão do suspeito de assassinar Erisnaldo Gonçalves, o anão do Saco da Cachoeira, de 31 anos.

De acordo com o delegado de Amarante, Dr. Tomaz de Aquino, que representou pela prisão preventiva, o suspeito identificado como Luís Bispo de Oliveira, 18, já confessou informalmente o crime. O seu depoimento deverá acontecer nas próximas horas em Água Branca, onde está preso.

A manifestação, que, segundo ameaça dos manifestantes iria resultar em incêndio no prédio da delegacia, encerrou no final da tarde desta quinta-feira com a prisão preventiva do suspeito.

Na foto abaixo, o suspeito de assassinar a facadas o Anão de Amarante (Patu, entre os policiais)
20150430190155
ATUALIZADA ÀS 15h47

Outra versão do caso, aponta para uma revolta iniciada por causa da soltura de um rapaz, que seria o suspeito do assassinato. Ele foi ouvido pela Polícia Civil de Amarante na última terça-feira, 28.

Em grupos no WhatsApp e nas redes sociais, internautas deixam registros de insatisfação com a decisão da polícia. “É um absurdo esse delegado ter mandado soltar esses facínoras, isso chama – se um desrespeito à sociedade, que lhe paga através de tributos e especificamente à família do assassinado! Nesse crime hediondo têm que ter conhecimento o Governador do Estado, Secretário de Segurança, todos os Poderes competentes e tomar medidas urgentes para reprimir drasticamente esses indivíduos nocivos à sociedade! Aqui está a minha Indignação!”, afirmou uma professora do município.

O delegado de Amarante foi novamente ouvido pelo Portal Somos Notícia e explicou que “quando o suspeito foi ouvido, o anão do Saco da Cachoeira estava apenas desaparecido e não havia comprovação de que ele estava morto”. O rapaz foi ouvido e logo solto. “Portanto”, disse ele, “eu não podia prendê-lo sob acusação de assassinato se a vítima não havia sido encontrada e não havia nenhuma certeza de que o rapaz havia sido morto.”

O nome do suspeito não foi revelado para não atrapalhar as investigações, mas o delegado assegura que as investigações somente vão encerrar com detenção do acusado. “Ao saber que ele havia sido assassinado e com requintes de crueldade, eu entrei imediatamente com um pedido de prisão preventiva desse suspeito.

Veja abaixo o vídeo gravado pelo radialista L Silva numa entrevista com uma parente da vítima

[tube]http://www.youtube.com/watch?v=-LrHpD05PuU[/tube]
ATUALIZADA ÀS 14h26

Uma manifestação realizada no início da tarde desta quinta-feira, 30, mostrou a indignação de parentes e amigos do Anão de Amarante, assassinado a pauladas e a golpes de faca no último domingo, 26. Ele teve o seu corpo jogado nas águas do rio Parnaíba.

Populares colocaram vários pneus em frente à delegacia do município por volta das 13h e atearam fogo. A justificativa, segundo eles, é a falta de punição dos envolvidos na morte do pequeno Erisnaldo Gonçalves dos Santos, de 31 anos, conhecido também como Anão do Saco da Cachoeira.

Familiares e amigos da vítima ameaçam também atear fogo na delegacia da cidade. A Força Tática foi acionada para ir ao local na tentativa de conter os ânimos. Delegacias de outros municípios foram acionadas  para o envio de reforço policial no local da manifestação.

Em entrevista ao Portal Somos Notícia, o delegado de Amarante Dr. Tomaz de Aquino confirmou que não há motivos para manifestação, pois as providências já foram tomadas. Ele confirmou que há lesões à altura do abdômen da vítima provocadas por arma branca. “Já fizemos o que deveria ser feito. Pedi a prisão preventiva de um rapaz que todas as provas levam a crer que ele é o autor do assassinato. Agora depende do Judiciário. Eu conversei com o irmão da vítima hoje pela manhã e expliquei que houve demora porque tínhamos que esperar o IML chegar de Teresina e concluir as informações necessárias.”

O corpo foi encontrado por moradores por volta das 16h desta quarta-feira, 29, nas proximidades da comunidade Canavieiras, situada em São Francisco do Maranhão. De acordo com informações, as vísceras da vítima estavam expostas e havia marcas de perfurações de arma branca à altura do abdômen e de pauladas na cabeça do anão.

Edição e postagem: Denison Duarte
Fotos: Guilherme Teixeira e grupo Amarante City no WhatsApp

2 7 8 6 5 4 3
20150430102204

20150430102200

 

20150430102159201504301021592

20150430102158

20150430102203

Comente aqui

leo nec felis Nullam tempus dapibus tristique Lorem