Menu...

13 de dezembro de 2017

Incra e Banco do Brasil vão construir casas no Piauí


Hospital de Olhos
Agricultores familiares assentados pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária no Piauí (Incra) farão parte do Programa Minha Casa Minha Vida, por meio do Programa Nacional de Habitação Rural.

Em reunião realizada nesta quarta-feira (13), no auditório do Incra em Teresina, o superintendente do órgão, Francisco Limma e o assessor de Desenvolvimento Sustentável do Banco do Brasil no Piauí, Antônio Machado Neto, orientaram os servidores sobre as regras para a implantação do programa no estado. Na próxima semana, o mesmo treinamento será realizado com representantes da Caixa Econômica Federal. Os dois bancos oficiais são as entidades financiadoras das casas que serão construídas pelo programa.

Segundo o superintendente do Incra, Francisco Limma, "a expectativa é que este ano sejam atendidas mais de 1,5 mil famílias em todo o Piauí". Caberá ao próprio Incra definir a relação dos agricultores que serão beneficiados, bem como os assentamentos prioritários para a implantação do programa em 2013 e 2014.

O valor do financiamento da nova moradia pode chegar a R$ 28,5 mil. No caso de imóvel que estiver precisando de reforma o valor do financiamento é de R$ 17,2 mil. Os assentados piauienses que serão contemplados no Minha Casa Minha Vida são enquadrados no chamado Grupo 1, que recebe o maior subsídio do programa, de 96% sobre o valor da casa. As famílias beneficiadas vão pagar apenas 4% do valor financiado, em quatro parcelas anuais, no valor médio de R$ 280.

Caberá ao Incra orientar as famílias assentadas sobre as regras de acesso ao programa, providenciar os documentos e os projetos dos imóveis, além de monitorar as obras.

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE