Menu...

20 de Janeiro de 2018

Dois pisos salariais na Educação provoca estado de greve entre servidores públicos de Amarante


Hospital de Olhos

O descumprimento do acordo do Piso Salarial de 8,32% feito entre a Secretaria Municipal de Educação, em Amarante, e os servidores da Rede Municipal de Ensino resultou em um estado de greve, o que pode culminar em uma paralisação das aulas a qualquer momento. A informação é do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindserma).

De acordo com a entidade o percentual acordado entre as partes deixou de ser cumprido com a criação paralela de um novo piso de 6,97% que rebaixa 80% da categoria, segundo o Sindicato a iniciativa tomada pelo secretário João Luís Viana.

“Com a implantação do segundo piso para Amarante, feita pelo secretário, apenas 20% foram agraciados. O estado já honrou o seu compromisso e pagou corretamente o Piso de 8,32%, enquanto o município decide rebaixar seus servidores. Nós vamos nos reunir no próximo sábado para decidirmos pela greve se a situação não for regularizada pelo secretário”, assegura Ivonete Almeida, do Sindsema.

O estado de greve foi definido por unanimidade entre os servidores após assembleia geral realizada na manhã desta terça-feira, 11. A decisão aconteceu sede do sindicato durante discussão e avaliação do Piso Salarial destinada à categoria pelo município.

Tags: , , , ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE