Menu...

Última Notícia

11 de dezembro de 2017

Secretaria de Estado vai realizar em Amarante fórum de combate à discriminação na Saúde


Hospital de Olhos

A Secretaria de Estado da Saúde realiza em todo o Estado fóruns que irão debater as políticas públicas voltadas para cidadania na atenção integral das população mais vulneráveis que sofrem diferentes tipos de discriminação social. O primeiro evento acontece nesta segunda-feira, 8, no município de Campo Maior.

A discriminação foi citada por 15,5 milhões de brasileiros como uma das dificuldades sofridas quando buscam atendimento em clínicas e hospitais. O dado é da Pesquisa Nacional em Saúde 2013 (PNS), divulgada esta semana pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“O que nós propiciamos nesse Fórum é a chegada de orientações às pessoas, no sentido de entenderem as diferenças que existem entre os vários grupos de pessoas existentes no convívio social”, explica Gilvano Quadros, coordenador da Coordenação de Promoção da Equidade em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde.

O Fórum contará com a presença de diversos setores da sociedade, governamentais e não governamentais, como representantes dos conselhos municipais de saúde das entidades de classe, criando um espaço de reflexão e discussão conceitual sobre a promoção da equidade em saúde.

Nessa primeira etapa, será realizado o Fórum também nos municípios de Parnaíba, Esperantina, Batalha, Teresina, Campo Maior, Oeiras, Paulistana, Bom Jesus, São Francisco do Piauí, Pedro II, Amarante, Piripiri, Valença, Floriano, Picos, São Raimundo Nonato, Morro Cabeça no Tempo, Cocal de Telha, Uruçui e São João do Piauí.

Programação

8h às 9h – Credenciamento dos Participantes

9h às 9h30 – Palestra – Tema: Progressão Continuada, Espinha Dorsal da Promoção da Equidade em Saúde ( SUS)

9h30 às 10h10 – Palestra – Tema: Repercussão das Políticas Públicas voltadas para cidadania na   Atenção integral: à Saúde da População Negra e à Saúde da população Indígena, à Saúde da população do campo e da floresta e águas, à Saúde da população LGBT, à Saúde da população de rua, à Saúde da população cigana, à Saúde da população privada de liberdade e à Saúde da população quilombola

10h10 as 10h50 – Palestra – Tema: Os desafios da equidade na comunidade e unidade Básica de Saúde (UBS)

10h50 às 11h – Intervalo

11h às 12h – Debates

12h às 12h30 – Encerramento

 

Fonte: Governo do Piauí

Radar Financeira

Tags: ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE