AMARANTE

ESPORTES

Brasileiro Feminino: Palmeiras goleia São José e pressiona Corinthians

Publicado em

ESPORTES


O Palmeiras reassumiu, temporariamente, a liderança da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Nesta quarta-feira (26), as Palestrinas venceram o São José por 4 a 1 no estádio Martins Pereira, em São José dos Campos (SP), na abertura da décima rodada.

Ainda invicto, o Verdão foi a 24 pontos e ultrapassou o Corinthians, agora segundo colocado com 22 pontos e que encara o Flamengo nesta quinta-feira (27), às 15h (horário de Brasília), no estádio da Gávea, no Rio de Janeiro. As Meninas da Águia permanecem com oito pontos e abrem a zona do rebaixamento na 13ª posição.

As visitantes saíram na frente aos 13 minutos. A meia Júlia Bianchi cobrou falta na área e a zagueira Thaís desviou de cabeça para as redes. Aos 35, na sobra de um escanteio batido pela direita, Júlia Bianchi arrematou colocado, da entrada da área, e ampliou. Antes do intervalo, a lateral Bruna Calderan avançou pela direita e achou Bia Zaneratto próxima à área. A atacante girou e bateu no canto da goleira Zany, fazendo o terceiro gol alviverde.

Na etapa final, o São José descontou aos 16 minutos. A lateral Camila cobrou escanteio pela direita e a zagueira Letícia, de cabeça, completou para o gol. A reação parou por aí. Aos 19 minutos, a lateral Katrine foi lançada na esquerda por Julia Bianchi e acabou derrubada na área pela lateral Evellyn. A meia Duda Santos bateu a penalidade e fechou o placar no interior paulista.

Nos outros três jogos que abriram a rodada, os visitantes também levaram a melhor. No estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, o Internacional derrotou o Botafogo por 2 a 0 e foi para 18 pontos, na quinta posição. As Gloriosas somam os mesmos oito pontos do São José, mas ficam em 12º lugar, uma colocação à frente do Z4, por terem melhor saldo que as paulistas.

Leia Também:  Cristiano Ronaldo tem trabalho pela frente para se tornar lenda, diz Pelé

As Gurias Coloradas definiram o placar no primeiro tempo, em dois contra-ataques de manual. Aos 14 minutos, Fabi Simões (lateral de ofício, mas que atuou como atacante) deixou Mileninha na cara de Rubi. A goleira salvou a conclusão da atacante, mas a bola sobrou para a própria Fabi Simões abrir o marcador. Aos 31, a dupla ofensiva funcionou novamente. Desta vez, após cruzamento a meia altura de Fabi Simões pela direita, Mileninha apareceu na pequena área e balançou as redes.

Uma posição abaixo do Inter, em sexto, aparece a Ferroviária, que venceu o Napoli por 3 a 1 no estádio Carlos Alberto Costa Neves, em Caçador (SC). As Guerreiras Grenás subiram para 17 pontos, enquanto as catarinenses permanecem na lanterna, com três pontos em dez jogos realizados, com risco de rebaixamento à Série A2 (segunda divisão) do ano que vem.

O Napoli até saiu na frente ao sete minutos do primeiro tempo, com a atacante Julia Cipriani lançada na esquerda da grande área e chutando na saída da goleira Luciana. A resposta das atuais campeãs da Libertadores veio aos 15 minutos. A goleira Gaby deu rebote na pequena área, após cobrança de falta, e a zagueira Ana Alice aproveitou para empatar.

Leia Também:  Handebol: brasileira Duda Amorim recebe prêmio de melhor da década

A virada ocorreu já no minuto seguinte, em um golaço de Rafa Mineira. A meia viu Gaby adiantada e arriscou da intermediária. A goleira recuou a tempo, mas acabou aceitando o chute. O terceiro gol saiu aos 29 da etapa final. Lançada pela direita, a atacante Lurdinha bateu na saída de Gaby e acertou o travessão. A meia Aline Milene ficou com a sobra e finalizou de primeira, definindo o marcador.

Já o Avaí/Kindermann teve melhor sorte que o co-irmão de Caçador e superou o Minas Brasília por 3 a 2 no estádio Maria de Lourdes Abadia, o Abadião, em Ceilândia (DF). As Leoas Avaianas foram para 14 pontos e assumiram provisoriamente o oitavo lugar, entrando na zona de classificação às quartas de final, enquanto as brasilienses continuam com sete pontos, na 14ª posição, ainda no Z4.

As catarinenses saíram na frente com 11 minutos. A lateral Camila disparou na esquerda e cruzou rasteiro. A bola desviou na zagueira Dih e enganou a goleira Karen. Aos 25, a atacante Karla Dias deixou tudo igual, cobrando pênalti. Na etapa final, aos quatro minutos, Camila lançou Larissa na entrada da área, perto da meia-lua. A atacante chutou por cobertura e fez um golaço. Três minutos depois, a zagueira Zóio, de cabeça, fez o terceiro das Leoas. Aos 24, aproveitando uma bola afastada pela defesa visitante, a meia Manu descontou para o Minas.

Edição: Fábio Lisboa

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Líder Coritiba fica no 0 a 0 com o Vitória na Série B

Publicados

em


Jogando no estádio do Barradão, em Salvador, o Coritiba empatou em 0 a 0 com o Vitória nesta quarta-feira (22) e manteve a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro.

Após a igualdade na partida da 25ª rodada da competição, o Coxa alcançou os 49 pontos, mantendo a ponta da classificação. Já o Rubro-Negro Baiano terminou a rodada na 17ª posição, dentro da zona do rebaixamento, com 25 pontos.

Na próxima rodada, o Coritiba recebe o Guarani no Couto Pereira no sábado (25). No mesmo dia o Vitória visita o Londrina no estádio do Café.

Triunfo da Ponte Preta

Quem venceu nesta quarta pela competição foi a Ponte Preta, que bateu o Operário por 2 a 1 no estádio Germano Krüger. O resultado deixou a Macaca na 14ª posição com 29 pontos. Já o Fantasma é o 10º com 34 pontos.

O triunfo dos visitantes foi alcançado graças a gols do volante André Luiz e do atacante Rodrigão, enquanto o volante Marcelo descontou para o time da casa.

Leia Também:  Pelé se recupera de maneira satisfatória após retirar tumor

O Operário volta a entrar em campo no sábado, contra o Confiança. Um dia depois a Ponte Preta recebe o Brasil de Pelotas no estádio Moisés Lucarelli.

Edição: Fábio Lisboa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA