AMARANTE

ESPORTES

Brasil não classifica duplas dos saltos ornamentais para Olimpíada

Avatar

Publicado em

ESPORTES


O primeiro dia da Copa do Mundo de saltos ornamentais, em Tóquio (Japão), não foi como o desejado pelos brasileiros. Na madrugada deste sábado (1º), Isaac Souza e Kawan Pereira (plataforma sincronizada dez metros masculina) e Anna Lúcia Santos e Luana Lira (trampolim sincronizado de três metros femininos) não se classificaram às respectivas finais. Como o evento funciona como pré-olímpico da modalidade, o país não terá representantes nestas provas nos Jogos, que também serão na capital japonesa.

Finalistas no Mundial de Esportes Aquáticos de 2019, em Gwangju (Coreia do Sul), Isaac e Kawan realizaram seis saltos sincronizados e concluíram a fase preliminar na 13ª posição, com 329.16 pontos, cerca de oito pontos atrás dos italianos Andeas Larsen e Eduard Gugiu, que ficaram em 12º e ficaram com a última vaga da final da plataforma de dez metros. Após o terceiro salto, a dupla brasileira chegou a estar em oitavo lugar, mas não conseguiu manter a boa sequência de notas.

A parceria britânica, entre Thomas Daley e Matthew Lee, foi campeã da Copa do Mundo, com os mexicanos Randal Willars e Ivan Garcia em segundo lugar e os canadenses Vincent Riendeau e Nathan Zsombor-Murray em terceiro. As duplas de México e Canadá, além das de Ucrânia (quarto lugar) e Coreia do Sul (quinto) se classificaram para Tóquio. A do Reino Unido já estava garantida pela terceira posição no Mundial, há dois anos.

Leia Também:  Golfe: pela vaga olímpica, Adilson da Silva retorna ao Sunshine Tour

Anna Lúcia e Luana, por sua vez, finalizaram a fase preliminar do trampolim de três metros na 16ª e última colocação. Elas se mantiveram entre as 12 primeiras após os três primeiros saltos. Nos dois últimos, as notas baixaram sensivelmente e as brasileiras caíram na classificação geral.

A prova teve as chinesas Yani Chang e Yiwen Chen como vencedoras, com as canadenses Jennifer Abel e Mélissa Citrini-Beaulieu em segundo. Com os dois países já assegurados na Olimpíada por conta do Mundial, a medalha de bronze às italianas Elena Bertocchi e Chiara Pellacani as classificou para a Olimpíada, juntamente das parcerias de Alemanha (quarto), Estados Unidos (quinto) e Reino Unido (sexto).

A Copa do Mundo continua para os brasileiros no domingo (2), às 21h (horário de Brasília), com eliminatórias do trampolim de três metros feminino. Anna Lúcia e Luana estão na disputa, que é individual. Em seguida, na madrugada de segunda-feira (3), a partir de 0h30, começa a fase preliminar da plataforma de dez metros masculina, com Isaac e Kawan representando o Brasil. As semifinais das duas provas estão marcadas, respectivamente, para 4h45 e 6h45 da própria segunda.

Leia Também:  Bruno Schmidt tem alta do hospital após contrair covid-19

Edição: Gustavo Faria

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Flamengo e Volta Redonda decidem quem vai para a final do Cariocão

Avatar

Publicados

em


Flamengo e Volta Redonda decidem neste sábado (8) à noite, no Maracanã, quem será o primeiro finalista do Campeonato Carioca. Como venceu o primeiro jogo da semifinal por 3 a 0 e fez melhor campanha do que o Tricolor de Aço na Taça Guanabara, o Rubro-Negro só perde a vaga se for goleado por quatro gols de diferença. Mais do que nunca, o Voltaço vai precisar do atacante Alef Manga, que pode estar dando adeus à equipe do Sul-Fluminense. A Rádio Nacional acompanha todos os detalhes da partida, a partir das 20h30 (horário de Brasília).

Ouça Flamengo x Volta Redonda, a partir das 20h30 (horário de Brasília), clique abaixo.

Com vários jogadores no Departamento Médico (o goleiro Diego Alves, o meia Gerson, o lateral Renê e o zagueiro Rodrigo Caio) e atento ao confronto contra o Unión La Calera (Chile) em Santiago, na próxima terça (11) pela Libertadores, o técnico Rogério Ceni deve escalar o chamado time alternativo. Nomes como Vitinho, Michael e Pedro devem estar em campo para carimbar o passaporte do Fla à decisão que pode levar ao hexa-tri da história do clube no Campeonato Estadual do Rio.

Já o Volta Redonda não tem alternativa senão ir ao ataque e tentar reverter a elástica desvantagem. O time comandado pelo treinador Neto Colucci ainda não jogou a toalha e confia no artilheiro do Cariocão, Alef Manga, com 9 gols. A boa fase do jogador despertou o interesse de vários clubes do país das Séries A e B e dificilmente ele deve continuar defendendo o uniforme Auri-Negro no restante da temporada.

“No futebol, tudo é possível. Agora, tirar tamanha diferença trata-se de uma missão bem difícil, quase impossível para o Volta Redonda, que vai necessariamente expor a defesa para buscar a classificação e propiciar o contra-ataque ao Fla”, afirma o comentarista Mário Silva, que vai estar ao lado do locutor André Luíz Mendes na transmissão da partida de hoje pela Rádio Nacional.

Leia Também:  Golfe: pela vaga olímpica, Adilson da Silva retorna ao Sunshine Tour

Edição: Gustavo Faria

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA