AMARANTE

ESPORTES

Brasil garante mais uma vaga olímpica na canoagem velocidade

Avatar

Publicado em

ESPORTES


O Brasil assegurou nesta sexta-feira (30) mais uma vaga na canoagem velocidade, na prova K1 masculino 1000 metros, que ocorre no caiaque individual. Agora o país soma cinco na canoagem: três na categoria velocidade (duas na canoa e uma no caiaque, ambas masculinas) e duas na categoria slalom (com Ana Sátila nas disputas C1 e K1, e Pepê Gonçaves na K1).  Ao todo o país tem 209 vagas confirmadas para Tóquio 2020.

De acordo com a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), ainda não está definido que atleta representará o Brasil na prova prova K1 masculino 1000m: o nome será revelado após uma reunião do Comitê de Canoagem de Velocidade. 

A CBCa e o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) receberam a notícia sobre a nova vaga, por meio de um e-mail enviado pelo ICF. A CBCa esperava obter outra vaga (C1 Feminino 200m), o que não ocorreu. A entidade afirmou que buscará informações sobre os critérios adotados na escolha junto à ICF e à Confederação Pan-Americana de Canoagem.

Leia Também:  Fora da F1, Brasil tem desafios na base para alavancar automobilismo

As provas da canoagem slalom na Olimpíada de Tóquio ocorrerão entre os dias 25 a 30 de julho. Já as disputas de canoagem velocidade serão entre 2 a 07 de agosto.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Técnico do Chelsea acredita na classificação para a Liga dos Campeões

Avatar

Publicados

em


A esperança do Chelsea de ficar entre os quatro melhores do Campeonato Inglês e de se classificar para a Liga dos Campeões ainda está nas mãos do próprio time, apesar da vitória do Liverpool sobre o West Bromwich Albion graças ao gol do goleiro Alisson nos acréscimos, disse o técnico Thomas Tuchel nesta segunda-feira (17).

Alisson marcou um gol de cabeça nos acréscimos do segundo tempo, dando ao quinto colocado Liverpool um triunfo de 2 x 1 sobre o rival rebaixado e deixando o time a um ponto do Chelsea, que está na quarta posição, com dois jogos por disputar.

“Foi uma cabeçada fantástica no último minuto, que deixa as coisas interessantes e apertadas. Ainda está em nossas mãos”, disse Tuchel a repórteres antes da partida decisiva de terça-feira contra o Leicester City — que derrotou seu time na final da Copa da Inglaterra por 1 x 0.

“O contratempo para nós foi o jogo do Arsenal (uma derrota de 1 x 0 em casa). Deixamos a porta aberta, então o Liverpool tem um pé na porta. Eles são um time forte, e é o que fazem”.

Leia Também:  Abel registra marca inédita e repete feito histórico de Vanderlei Luxemburgo em 1993

“Deveríamos estar cientes do desempenho enorme que tivemos até agora, mas precisamos finalizar o trabalho. Precisamos contar uns com os outros, porque estamos em uma situação na qual não temos que olhar para outros campos”.

Uma vitória contra o Leicester colocaria o Chelsea em terceiro lugar, um ponto acima do próprio adversário, que soma 66 pontos.

A derrota na Copa da Inglaterra significou derrotas consecutivas para Tuchel pela primeira vez como treinador do Chelsea, e o alemão disse que está “lutando duro” para recuperar o ímpeto e parar de tomar gols.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA