3:11 pm - segunda-feira novembro 22, 7604

Dono da UTC vai depor em ação do TSE que pede cassação de Dilma

Edição e postagem: Denison Duarte, em 14-09-2015 22:30 | Última modificação: 14-09-2015 22:31
Hospital de Olhos

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, deu um despacho que permitiu que Ricardo Pessoa, dono da UTC, fosse convocado a prestar depoimento na Justiça Eleitoral na ação em que o PSDB pede a cassação do mandato de Dilma Rousseff.

Ele foi convocado e vai depor já nesta sexta-feira, no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, às 9h.

Seu depoimento havia sido inicialmente marcado para julho, mas foi suspenso porque sua delação premiada na Operação Lava Jato é mantida em sigilo.

Na ocasião, o Ministério Público Eleitoral pediu para que ele permanecesse em silêncio para não prejudicar o acordo de delação.Em sua colaboração, Pessoa disse que doou R$ 7,5 milhões à campanha de Dilma por temer prejuízos em negócios com a Petrobras.

O montante foi declarado à Justiça Eleitoral. A campanha petista nega irregularidades e diz que sua prestação de contas foi aprovada pela Justiça.Na ação, o PSDB sustenta que Dilma deve deixar o cargo porque sua campanha teria sido financiada com os recursos desviados.

No despacho em resposta ao pedido do ministro João Otávio Noronha, relator da ação contra Dilma no TSE, Teori respondeu que, como a delação premiada de Ricardo Pessoa já foi homologada, não caberia mais a ele proibir que o réu depusesse.

Com isso, a Justiça Eleitoral entendeu que estava autorizada para convocar o empreiteiro.

Fonte: Folha

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE