Aluno da Unicamp é preso por cultivar maconha em residência universitária
3:59 am - quinta-feira setembro 21, 2017

Aluno da Unicamp é preso por cultivar maconha em residência universitária

Edição e postagem: Denison Duarte, em 04-10-2013 16:07 | Última modificação: 04-10-2013 16:07
Educandário Menino Jesus

Um estudante de biologia da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) foi preso por porte de entorpecente ao cultivar pés de maconha dentro da moradia da instituição de ensino. Dois pés da planta foram encontrados na sacada do apartamento onde ele vivia. O caso aconteceu na terça-feira (1º), mas foi divulgado ontem (3). O estudante responderá em liberdade.

O flagrante foi feito por policiais militares e o caso foi registrado no 7º DP (Distrito Policial) de Campinas, que apura a ocorrência. O estudante está sujeito às penas de advertência, prestação de serviço e obrigação de participar de um curso educativo sobre drogas, além de poder sofrer também punições da universidade.

A detenção do estudante e apreensão dos pés de maconha foram feitas pela Dise (Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes) após denúncia anônima. Segundo os policiais, depois de receberem a denúncia, uma viatura se dirigiu à moradia estudantil e, ao chegarem ao local, identificaram os dois pés de maconha, que estavam junto de outras plantas e hortaliças cultivadas pelo estudante no espaço.

As plantas tinham cerca de um metro de altura cada uma. Segundo relato de policiais, o jovem admitiu haver plantado a droga, mas afirmou que utilizava a planta para decorar o ambiente, não para consumo.

A reportagem procurou o estudante através da assessoria da Unicamp, mas, até o fechamento desta matéria, ele não quis se pronunciar. A assessoria divulgou ainda que o caso do estudante será apurado internamente e que a instituição irá "aplicar medidas previstas no regimento interno". As punições vão de advertência a expulsão da universidade.

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE