5:38 pm - terça-feira novembro 21, 2017

Pedreiro é assassinado com tiro na cabeça ao tentar fazer depósito em agência bancária

Edição e postagem: Denison Duarte, em 14-07-2015 10:22 | Última modificação: 14-07-2015 10:22
Hospital de Olhos

Um pedreiro identificado como Nida da Silva, foi morto à tiros enquanto seguia para um banco no município de Timon (MA), para depositar uma quantia em dinheiro. O crime ocorreu no início da tarde desta segunda-feira (13/07).

A informação seria de que a vítima seguia com uma quantia de aproximadamente R$ 3 mil e estava sendo seguida pelo acusado.

No trajeto para o banco, o acusado abordou a vítima e disse que queria a motocicleta. Nida reagiu à abordagem e acabou sendo surpreendido com os disparos de arma de fogo. A arma usada foi um revólver calibre 38.

A polícia militar de Timon confirmou que a vítima foi alvejada com cinco disparos, um deles atingiu a cabeça. O corpo de Nida será enterrado no interior do Maranhão.

Policiais da Delegacia de Homicídios estiveram no local e realizaram perícia. O acusado ainda não foi identificado e segue foragido.

Fonte: O Olho