8:02 am - sábado novembro 18, 2017

Funcionário é preso acusado de furtar baterias de urnas eletrônicas no TRE

Edição e postagem: Leomar Duarte, em 24-10-2014 15:44 | Última modificação: 24-10-2014 15:44
Funcionário é preso acusado de furtar baterias de urnas eletrônicas no TRE

Hospital de Olhos

O funcionário de uma empresa que presta serviços de tecnologia para a Justiça Eleitoral foi preso na manhã desta sexta-feira (24) em Teresina (PI), acusado de furtar baterias de urnas eletrônicas.

Apesar da identidade do acusado não ter sido revelada, funcionários do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) o conhecem somente por Wellington e trabalhava na 63ª Zona Eleitoral. Ele foi levado para a sede da Polícia Federal em Teresina por volta de 11h30.

O acusado trabalha para uma empresa que presta serviço de manutenção de urnas eletrônicas e ficava no porão do TRE-PI. Em sua mochila, foram achadas três baterias de modelos iguais aos das urnas eletrônicas a serem usadas no domingo.

Os funcionários que estavam no local tiveram de prestar depoimento na Polícia Federal, assim como o acusado.

A PF vai investigar se o acusado pode ter levado outro tipo de equipamento. Ele deverá responder por crime de peculato – ato ilegal praticado no serviço público.

Fonte:Cidade Verde