1:21 pm - segunda-feira novembro 20, 2017

PM prende quadrilha especializada em fraudes de empréstimos bancários em municípios do Piauí

Edição e postagem: Denison Duarte, em 24-02-2016 14:28 | Última modificação: 24-02-2016 20:17
Hospital de Olhos

Foi presa na tarde desta terça-feira (23) uma quadrilha sob acusação de prática de estelionato no Piauí.

A prisão aconteceu em Teresina e em União. Segundo informações o grupo fazia a falsificação de documentos para empréstimos em um escritório de fachada.

A polícia está ainda calculando os prejuízos causados pelo bando. As investigações ainda seguem no intuito de novas descobertas acerca da prática.

O serviço de inteligência da polícia vinha monitorando a quadrilha há meses. A prisão de três homens e uma mulher, dentre eles pai e filho, foi efetuada em uma ação dos militares do 5º e 8º Batalhão de Polícia Militar.

Com a quadrilha foram pegos documentos, cédulas de identidade computadores, cartões de banco, senhas e cartões do INSS, e também uma moto e dois veículos.

Dois dos envolvidos foram presos no bairro Diceu e outros dois em um escritório no município de União, onde a polícia acredita que está o escritório do bando.

Os acusados são Francisco Paulo Ribeiro, Rodrigo Ribeiro, Paulo Reis e Viviane Lopes.

O Major Gilvan, membro do 8º BPM, afirma que o a ação acontecia de forma organizada, abordando idosos e oferecendo novos empréstimos em valores considerados altos.

“Eles assediavam e estimulavam os idosos. Quando alguém morria, eles pegavam os dados da pessoa e realizavam os contratos de empréstimos”, afirma.

De acordo com as suspeitas da polícia, há muito mais pessoas envolvidas na ação. O bando agia em várias cidades do Piauí e do Maranhão. “Já sabemos que eles agiam nas cidades de Palmeirais, Gonçalves Dias, União, mas sabemos que tem mais cidades”, reforça o major.

Um dos integrantes, Francisco Paulo, responde a processo criminal por envolvimento em assalto a uma agencia dos Correios no município de Buriti Bravo, no Maranhão.

O acusado usava uma tornozeleira eletrônica e a removeu, passando a ser considerado um fugitivo da Justiça.

Outro dos envolvidos, Paulo Reis, já tinha um mandado de prisão expedido contra ele por roubo.

Segundo a polícia, somente em um extrato bancário, foram encontradas transações em valores acima de R$ 11 mil em empréstimos.

Integrantes de quadrilha de estelionato no Piauí
23df6d80-fbc0-4a13-ae6d-56169d61d1f2

a4e25796-1782-422f-a1c5-c8240553f3ab

b6e26ab6-0498-4b83-b933-7f1c207a6d2c

Edição e postagem: Denison Duarte

Fotos: Jornalesp