2:59 pm - segunda-feira novembro 20, 2017

Em vídeo, advogado piauiense relata pânico em terremoto no Chile

Edição e postagem: Denison Duarte, em 18-09-2015 14:38 | Última modificação: 18-09-2015 14:46
Hospital de Olhos

Os dias têm sido de tensão no Chile. Alertas de terremoto e tsunami deixam a população em constante preocupação. A situação já não é confortável para quem está “acostumado”, como os nativos, imaginem para quem sequer esperou um dia presenciar o tremor de terra.

“A situação aqui foi de pânico, nossa, dos chilenos, de todo mundo. O hotel literalmente balançava, os lustres balançavam. Eu e minha esposa estávamos dentro do elevador e ela sacudia, batia nas paredes. Você deve imaginar o desespero nosso”, disse o advogado.

O terremoto de magnitude 8,3 que sacudiu o Chile na quarta-feira (16) deixou 12 mortos e cinco desaparecidos, segundo o boletim divulgado na noite desta quinta-feira (17) pelas autoridades.

A maioria das mortes ocorreu em Coquimbo, região do norte chileno mais afetada pelo terremoto, cujo epicentro foi situado próximo à localidade de Illapel (230 km ao norte de Santiago), e devido ao tsunami de quase 4,5 metros que atingiu a zona.

Fonte: O Olho