1:11 pm - segunda-feira novembro 20, 2017

Criança é dada por esquecida após se trancar em sala de aula no Piauí

Edição e postagem: Denison Duarte, em 21-03-2017 13:53 | Última modificação: 21-03-2017 13:54
Criança é dada por esquecida após se trancar em sala de aula no Piauí

Foto: Portal B1

Hospital de Olhos

ESQUECIDA EM ESCOLA – Em São João do Piauí, uma criança de 3 anos foi esquecida dentro da sala de aula na creche Mãe Mirô. De acordo com o G1, o incidente aconteceu na última segunda-feira (20).

A mãe teria ido buscar a criança e não a encontrou no pátio do estabelecimento.

Em resposta, a direção da escola afirmou que a criança entrou sozinha na sala e fechou a porta da sala. A diretora da creche, Maurícia Dias, afirmou que conversou com os pais e que “a situação foi resolvida sem transtornos”.

O pai da criança, identificado como João Santana, afirmou que todos os dias alguém vai buscar a criança, tarefa essa que ele divide com a esposa.

“Eu, ou minha esposa vamos pegá-lo. Hoje era o dia de ela ir, mas quando chegou lá, disseram que ele não estava na escola, ela me ligou imediatamente para saber se eu tinha pego ele”, contou.

Depois de ligar para outros familiares, o pai da criança decidiu ir até a creche. Lá, encontrando apenas a zeladora e o vigia, foi autorizado a entrar nas salas à procura do filho. O menino foi encontrado muito assustado dentro de uma sala fechada.

“Estávamos revoltados, mas nossa maior preocupação era nosso filho. Quando pegamos ele no colo, tudo ficou bem. A diretora da creche entrou em contato com a gente, esclareceu a situação e nós os desculpamos pelo erro deles. Todo mundo merece uma segunda chance e a creche também. Meu filho está bem e amanhã já volta a estudar normalmente”, disse.

Entrevistada pelo G1, a diretora da creche garantiu que o menino não foi esquecido, até porque “sempre há funcionários na escola”, que funciona das 8 às 18h e todos os esclarecimentos foram feitos aos pais.

“O que aconteceu é que o menino voltou para a sala e fechou a porta. Assumimos nossa responsabilidade e nossa falha, mas os fatos já foram esclarecidos e nossa equipe escolar pediu desculpas aos pais pelo incidente”, falou.