3:08 pm - quinta-feira outubro 20, 6472

Apicultores do semiárido do Piauí recebem kits produtivos

Edição e postagem: Denison Duarte, em 06-08-2013 16:14 | Última modificação: 06-08-2013 16:14
Hospital de Olhos

Aproximadamente 2,8 mil apicultores do semiárido do Piauí serão beneficiados com kits produtivos que incluem equipamentos, insumos e indumentárias. A definição do material apícola a ser adquirido resultou de reuniões nas quais foram mobilizados os integrantes da cadeia produtiva do mel no estado.

Mais de R$ 2 milhões serão investidos à produção de mel na região. Os kits serão entregues à 82 comunidades de 37 municípios do estado. Os investimentos na área integram o eixo Inclusão Produtiva do Plano Brasil Sem Miséria.

Apicultura do Piauí

 A produção de mel na cidade de Picos, no Piauí, se fortaleceu depois que famílias que trabalham com apicultura formaram associações e cooperativas com o apoio do governo.

Atualmente, cerca de 1,5 mil famílias estão diretamete ligadas a produção de mel. O estado se tornou o maior produtor de mel do Brasil, conquistando mercados internos e externos. Com o desenvolvimento da atividade, melhorou a qualidade de vida e gerou mais emprego e renda para as famílias da região. O destaque para os apicultores é a proteção ambiental e a qualidade dos produtos.

A apicultura é uma das atividades capazes de causar impactos positivos, tanto sociais quanto econômicos, além de contribuir para a manutenção e preservação dos ecossistemas existentes.

O Brasil apresenta características especiais de flora e clima que, aliado a presença da abelha africanizada, lhe conferem um potencial fabuloso para a atividade apícola, ainda pouco explorado.