3:11 pm - segunda-feira novembro 22, 7126

Após rebaixamento, mercado amplia para 2,55% previsão de queda do PIB

Edição e postagem: Denison Duarte, em 15-09-2015 00:21 | Última modificação: 15-09-2015 00:21
Hospital de Olhos

Na semana seguinte à retirada do Brasil do selo de bom pagador pela agência de classificação de risco Standard & Poor’s, estimativas de economistas ampliaram a previsão de retração do PIB de 2,44% para 2,55% em 2015.

As informações fazem parte do boletim Focus, divulgado semanalmente com base em pesquisa entre economistas feita pelo Banco Central. O levantamento tem apontado rápido aumento do pessimismo.

Com os dados divulgados nesta segunda-feira (14), a previsão de queda do PIB acumula alta de 0,54 ponto percentual em apenas quatro semanas.

Nesse meio tempo, além da perda do grau de investimento, também foi divulgada aqueda de 1,9% do PIB no 2º trimestre, o que também contribuiu para o aumento do pessimismo.

Para 2016, a expectativa é de retração de 0,60%, ante 0,50% há uma semana. Há um mês, esperava-se retração de apenas 0,15%.

Boletim Focus

INFLAÇÃO, CÂMBIO E JUROS

A previsão da inflação oficial, medida pelo IPCA, também foi ajustada para baixo, para 9,28% no fechamento de 2015 frente 9,29% previstos na semana anterior. Atualmente, o índice está em 9,53%. Para 2016, o ajuste foi para 5,64% ante a previsão anterior, de que seria de 5,58%.

A taxa de câmbio para o fim de 2015 ficou em R$ 3,70, ante a previsão de R$ 3,60 na semana anterior. Na sexta, a moeda fechou em R$ 3,87. Para 2016, a taxa ficou em R$ 3,80, ante previsão de R$ 3,70 na semana anterior.

A previsão para o fechamento da taxa Selic em 2015 foi mantida no nível atual, de 14,25%. Para 2016, a previsão foi mantida em 12%.

Fonte: Folha

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE