1:33 am - quarta-feira novembro 22, 2017

Diretor de rádio é preso por compra de voto em Corrente

Edição e postagem: Leomar Duarte, em 06-10-2014 15:18 | Última modificação: 06-10-2014 15:18
Hospital de Olhos

As Polícias Civil, Federal e Rodoviária Federal prenderam por volta de uma hora da madrugada deste domingo (05) o diretor da Rádio Cerrado, Cândido Rodrigues sob suspeita de compra de voto na cidade de Corrente, extremo Sul do Piauí. Segundo o delegado, o carro que ele dirigia estava no nome do deputado João Mádison (PMDB) que também é proprietário da rádio.

Dentro do carro, a polícia encontrou uma lista de nomes de moradores de Corrente e municípios vizinhos como Simplício Mendes, Vereda da Porta, Caxingó e Morro Redondo. Na lista, consta ainda o valor que cada eleitor receberia e a quantidade de votos que ele conseguiria para o candidato.

“O Cândido foi conduzido até a Delegacia de Corrente onde eu o ouvi. Ele acabou sendo liberado o produto da compra de voto, o dinheiro, não estava com ele, ou seja, a prisão não ocorreu em flagrante. O Ministério Público foi acionado e ele vai ser investigado por crime eleitoral”, diz o delegado Rodrigo Moraes.

De acordo com ele, algumas pessoas cujos nomes estavam na lista já tinham recebido o pagamento da compra de voto. O valor variava entre R$ 50,00 e R$ 125,00.

Compra de voto estaria sendo feita para o deputado João Maison (PMDB)

Fonte:360grauspi

Carro do diretor da rádio

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE